01 fevereiro 2007

Dermatite atópica: a coceira que dá eczema


A dermatite atópica (DA) é uma doença de origem alérgica bastante freqüente, que se acompanha de inflamação na pele, o que provoca coceira e lesões. Costuma ter períodos de melhora seguidos de períodos de piora chamados de exacerbações ou crises, que prejudicam a qualidade de vida. A doença costuma acompanhar o paciente por muitos anos. Os sintomas e sua gravidade variam de uma pessoa para outra. Por se tratar de doença hereditária é comum um dos pais ou ambos sofrerem de alguma doença alérgica como asma, rinite alérgica ou mesmo dermatite atópica.

A palavra “ATOPIA” foi criada por autores americanos em 1923, sendo usada até hoje para definir pessoas que têm constituição hereditária, são portadores de asma, rinite e naturalmente eczema, apresentando também testes alérgicos positivos.
Em síntese, os atópicos têm mais alergia e por mais tempo.

Como é a pele atópica:
A pele da criança portadora de dermatite atópica já nasce geneticamente alterada: é seca, irritável, coça muito, tornando-se com o tempo, cada vez mais áspera avermelhada e ferida devido à intensa coceira, configurando o eczema.


Localização das lesões na pele:

Bebês: a dermatite afeta a face, pescoço e às vezes o tronco.
Crianças maiores, adolescentes e adultos: localiza-se mais nas dobras de cotovelo, joelhos e ainda, pés e mãos.

O que são estigmas atópicos?
Estigmas atópicos são sinais e marcas que se apresentam nas pessoas portadoras de atopia. Podem estar presentes, mesmo na ausência da DA. Os estigmas mais comuns são:
- linhas na parte inferior dos olhos - chamadas Linhas de Dennie Morgan,
- manchas esbranquiçadas e ásperas na face e tronco - pitiriase alba,
- lesões puntiformes e salientes na pele em especial nos braços e ombros - ceratose pilar.

Fatores que podem agravar as lesões da pele:
É de suma importância identificar e afastar os fatores que agravam a lesão da pele como:
-atrito,
-suor,
-transpiração,
-poeira domiciliar,
-roupas de lã e tecido sintético,
-sabão,
-variações de temperatura (calor, frio)
-cosméticos,
-detergentes,
-infecções cutâneas,
-alguns alimentos,
-estresse emocional.

Tratamento
O tratamento adequado controla a inflamação da pele e deve incluir basicamente o uso diário de hidratantes, aplicação de corticóides tópicos e medicações anti-alérgicas (antihistamínicos). Outros tratamentos podem ser tentados em caso de fracasso terapêutico como: imuno-moduladores, antibióticos, ciclosporina, metotrexate e fototerapia.

É preciso fazer dieta especial?
Não há necessidade de evitar alimentos em qualquer pessoa portadora de DA. A dieta se justifica nos casos onde se verifica e se comprova o papel daquele alimento como provocador da piora da pele.

Cuidados com a pele:
- O excesso de banhos deve ser evitado, dando-se preferência a banhos rápidos, com pouco sabão, uma vez ao dia.
- Lubrificação diária e constante da pele: aplicar hidratante todos os dias, logo após o banho, em até 3 minutos após secagem suave do corpo.
- Usar sabonetes oleosos, emolientes e suaves.
- Nunca usar buchas ou esponjas- Preferir roupas leves, folgadas e confeccionadas com tecidos macios. Evitar tecidos sintéticos aderentes ao corpo, como lycra ou helanca.
- Evitar agasalhos de lã ou outros tecidos irritantes.
- Ao expor a pele ao sol, preferir as primeiras horas da manhã ou ao entardecer, sem excessos, usando sempre protetor solar apropriado.
- Uma medida caseira que “acalma” a pele e a coceira é a realização de banhos feitos com maisena ou com aveia em pó.

Complicações da DA:
O eczema atópico é, na maioria das vezes, uma doença benigna, mas de evolução lenta, tendendo à recuperação da pele com o decorrer do tratamento. Entretanto, pode evoluir em alguns casos de forma mais grave, provocando complicações como:
Decorrentes do Eczema:
-Infecções repetidas na pele (bactérias, fungos)

-Comprometimento estético
-Envolvimento emocional
Decorrentes do Tratamento:
-Pele agredida por produtos que piorem o ressecamento
-Uso de medicação agressiva e intempestiva
-Reações colaterais dos remédios
Decorrente da Atopia:
-Aparecimento de outras doenças atópicas
-Possibilidade de outras reações alérgicas
-Reações colaterais dos remédios

É importante saber reconhecer os sinais que podem indicar infecção de pele e comunicar o médico caso surjam, como por exemplo: aumento brusco da vermelhidão, surgimento de pequenas bolhas com pus no interior ou ainda o aparecimento de vesículas contendo líquido em seu interior.

Os casos mais graves de DA costumam se acompanhar de estresse emocional não só do paciente como de sua família e cuidadores. Recomenda-se que seja dedicada atenção especial aos fatores emocionais em cada pessoa a fim de que se possa indicar medidas para combate ao estresse familiar em conseqüência da doença.

Converse com o médico.
Exponha seus temores e preocupações. O diálogo entre o médico, o paciente e sua família são a base para uma abordagem personalizada e para o sucesso do tratamento.

233 Dê sua opinião:

«Mais antigas   ‹Antigas   1 – 200 de 233   Recentes›   Mais recentes»
neide dantas disse...

oi pessoal,foi muito importante pra mim ler todo o conteudo que fizeram com carinho pra pessoas como eu ,tenho dermatite e nao tenho condiçoes de me tratar.
muito obrigada
iraneide dantas

Fabíola disse...

Meu filho já está há um nao e meio com dermatite atópica. Já tentei a homeopatia e a alopatia, mas até agora ele não ficou bom. O que devo fazer agora? Por conta disso, ele está com a auto-estima baixa. Por favor, me ajudem... Quero muito que ele fique logo bom.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Fabíola: dermatite atópica tem origem genética e por isso a cura total nem sempre é possível. Entretanto, com o tratamento adequado, é possível controlar as lesões e permitir conforto e vida normal ao seu portador. A pele atópica é por natureza ressecada, com tendência ao suor, irritadiça, o que contribui para as lesoes. Nossa equipe está ao seu inteiro dispor na Clínica de Alergia da Policlínica Geral do Rio de Janeiro.

Anônimo disse...

Meu filho está com 2anos e 8meses e desde a maternidade deu claros sinais de reações alérgicas. Começou com a manta que o envolveu no 1º dia de vida. Descartamos logo o poliéster...
Após alguns meses iniciou uma série de irritações na pele, especialmente no tronco. Nunca conseguimos identificar com precisão se há alimentos que geram as coceiras.
Só que não parou por aí. Começaram crises de infecções de vias aéreas superiores (sinusites, amigdalites etc.).
Inúmeras medidas já foram tomadas, sendo que a mais eficaz foi o uso de Singulair Baby. Entretanto, a depender da atenção dispensada pela família e de outros fatores (é lógico!), as crises ainda ocorrem. Digo isso porque alguns familiares não entendem o drama de quem merece cuidado com alimentação, exposição a fatores que desencadeiam crises (sol em excesso, piscina etc.).
Além da oportunidade de desabafar, pergunto: é verdade que depois de uma certa idade a criança deixa de apresentar um quadro tão intenso de manifestações alérgicas?
Parabéns pelo blog!

Equipe PGRJ disse...

Embora não seja possível fazer uma previsão exata, é verdadeiro que grande parte das crianças tende a melhorar com a idade. O importante é manter o tratamento, incluindo imunoterapia e assim proporcionar vida normal com qualidade ao alérgico.

Anônimo disse...

Meu filho nasceu com alguns sitomas de asma. Ate os 2 anos e meio nao podia correr um pouquinho que comecava a tossir sem parar e logo em seguida vomitava tudo que tinha acabado de comer. Desde que nasceu ate os 2 anos e meio sempre se engasgava com facilidade e logo tinha vomitos. Ele tinha a pele perfeita, ate que um dia comecou a manifestar a dermatite atopica.A um ano e meio, ele passou por uma faze muito dificil, no ultimo verao ficou com o corpo todo de uma maneira que eu o enfaixava com gase ,pois nao tinha condicoes de usar a roupa diretamente, parecia que tinha levado um banho de agua fervente.
Hoje ele ainda continua com a dermatite um pouco mais controlada, ja nao preciso usar as gases, mas ele ainsa sofre muito com a coceira.
Ontem ele correu bastante brincando no parque, e reparei que ele nao tossia mais e comecei a pensar e me lembrar da asma que tinha desaparecido copletamente. Talvez gracas a atopi. Acredito que asma seja pior.
Outro detalhe e que nunca usei nenhum tipo de medicamento, nenhum esteroide ou cortisona, nao sei nem escrever o nome desses remedios usados , mais acredito que o corpo tem que fortalecer de alguma maneira, e nao existe remedio que cure a atopi, somente alivia, trazendo efeitos colaterais e atravez de muitas experiencias de caso de atopi de pessoas com quem conversei pessoalmente e que sempre usaram remedios, me aconselharam a nao usar pois deixaram manchas acinzentadas na pele,e so prolonga ainda mais a atopi.
Tenho consulta aamanha com um medico novo, que diz que nao usa remedios, diz que ele examina o sangue do paciente, fica sabendo primeiro o que esta causando a atopi e em cima disso receita uma dieta alimentar personalizada , com cremes naturais e uma formula para beber formulada a partir de ingredientes que so saberei melhor amanha na consulta. Estou anciosa e espero nao me decepcionar com o que esse medico tem a dizer.
Moro no Japao, esse medico e Japones e dizem que ele esta conseguindo grande avanco no tratamento da atopi.
Se o que esse medico disser fazer sentido e meu filho melhorar, eu faco ele ficar conhecido no mundo inteiro.
Voltarei a escrever depois da consulta.
Desejo profundamente do meu coracao que todos tenham uma otima melhora e cura verdadeira para a atopi.

equipe PGRJ disse...

Desejamos muita saúde e melhoras para seu filho. Obrigado por visitar o blog da Alergia.

Anônimo disse...

Meu filho tem 4 anos e meio e aos 10 meses manifestou os primeiros sinais da Dermatite atópica.Nem preciso dizer o tamanho do meu sofrimento, vocês já devem imaginar...todo esse tempo eu relutei muito em medicá-lo com coticóide, porém a um mês atrás procurei uma outra médica e ela receitou a medicação.Resultado: meu filho piorou muito, o rosto dele que até então estava preservado hoje pela manhã quando acordei, levei um tremendo susto...o ressecamento é gigantesco, uma descamação horrível(cheguei a chorar de desespero). Quando na semana passada estive com ele na pediatra que cuida desse problema desde o começo, ela me falou que o que está acontecendo se chama "efeito rebote", com o corticóide ele havia melhorado muito (no período de uso da medicação)mas que essa piora é consequência do uso do corticóide. Isso é realmente possível acontecer? Desde já agradeço a atenção e parabenizo a equipe pelo tão bem elaborado trabalho.

Equipe PGRJ disse...

O Blog da Alergia se preocupa em orientar sobre as doenças alérgicas mas com o cuidado de não ultrapassar os limites da orientação de tratamento, para que não substitua o médico e a consulta, indispensável para o sucesso. Por isso, a descrição do tratamento é mais genérica, visando uma orientação ampla. Ao final do texto sobre a dermatite atópica, citamos o problema que é a reação colateral dos próprios remédios. O efeito rebote ocorre com o uso de corticóide por via oral (comprimidos e xaropes) quando após o uso, surge uma piora do quadro. Isso não significa que estes remédios não possam ser usados, mas sim que o uso deve ser cuidadoso, em função desta possibilidade. Não sei em que cidade mora, mas convido que procure o grupo de Apoio
à Dermatite Atópica, que já existe em S Paulo, Rio,Fortaleza, porto Alegre e várias outras cidades. Veja no site da ADA (está em nosso setor de links na coluna da direita do Blog da Alergia).

Anônimo disse...

No dia 28-03 deixei o meu depoimento sobre a atopi do meu filho. Bom, fomos a consulta e aceitei ao tratamento, meu filho melhorou muito em apenas uma semana.Dia 15 e a proxima consulta e ate la se ele continuar melhorando,a minha intensao e conseguir traduzir a formula, que nao e homeopatia mas e formulada atravez de alguns alimentos como gergelin,macha,e outros alimentos que trabalham o sangue para um bom funcionamento.
Bom, antes da consulta tivemos que ouvir uma palestra do medico que ja tem 76 anos, 50 de medicina, ele disse que a atopi nao se cura de fora para dentro mas sim de dentro para fora. Nao adianta fechar com pomadas nao vai sarar. Eu errei quando disse que este medico examinava o sangue e formulava uma dieta alimentar para cada caso, nao foi bem assim.Pelo contrario, ele disse que nao adianta fazer teste sanguineo que e tempo perdido, nunca saira um resultado certo.
Recebemos uma tabela de coisas que o paciente que sofre de atopi nao deve comer ate que esteja completamente curado, que sao as seguintes:

Alimentos e coisas que afetam e sobrecarregam o organismo do paciente:
-cigarro
-cafe,chocolate,cacau,amendoim,castanhas em gera
-leite ,manteiga,queijos,yogurte,margarina
-condimentados,pizza, curry,
-maionese(bom evitar)
-salgadinhos,batata frita,esses que vende em pacotinhos
-carnes(nao exagerar)
-poeira
-acaros
-polem
-estresse
-alcool

No proximo dia 27 vou assistir uma palestra de 4 horas desse medico, e gostaria de deixar neste blog toda a informacao possivel que eu possa obter
Estou feliz, feliz... porque o meu filho comecou a melhorar, nao sei como sera de agora a diante, mais no momento estou acreditando.
Obrigada pela atencao.
Mei

Equipe PGRJ disse...

Fico feliz em saber que o tratamento do seu filho está satisfatório. Obrigada pela visita e pelo depoimento em nosso blog.

Camilla disse...

Gostaria de manter contato com a pessoa que enviou um depoimento sobre dermatite atópica que esta fazendo um novo tratamento no Japão. Peço a gentileza se essa pessoa esta visualizando meu comentário entrar em contato pelo e-mail camillacristinagodoi@bol.com.br desde ja agradeço a atenção

Equipe PGRJ disse...

Camilla: existem tratamentos em estudo para dermatite atópica e é preciso tempo de experimentação até que sejam abertos à população. Visite o site da AADA que se encontra nos links na coluna da direita do nosso Blog. Obrigado pela visita e volte sempre.

Aguinaldo disse...

Bom, para mim esta sendo muito dificil conviver com issu, tenhu DA ja a um ano e meio, hoje tenho 21 anos, sofro varios tipos de preconceitos, e me restrito a varias coisas, como ir a piscina por exemplo. Faço tratamento Homeopatico, pois acredito que seja o mas barato, nao tenhu condiçoes finaceiras para outros tipos de tratamentos. De todos os medicos e especialista que passei, descobrimos que a fator principal seria decorrido do leite e acaros. Gostaria de saber se existe algum outro tipo de tratamento que nao seja tão caro; e se existe algo caseiro que possa estar fazendo em casa para o alivio das coceiras? Gostaria tambem de saber se o fator da transpiraçao esseciva ajuda a piorar o estado ? Desde ja agradeço o trabalho de voces, muito obrigado !

Equipe PGRJ disse...

A grande dificuldade para se tratar a dermatite atópica é que não se resolve apenas com remédios. Além disso, a doença necessita tratamento contínuo e por longo tempo, mesmo que se esteja bem.
Os cuidados são amplos e devem englobar: a pele, a alergia, o ambiente da casa, o tipo de vestuário, os hábitos de higiene, os banhos, hidratação da pele e cuidados gerais.
O tratamento é individual para cada caso, de acordo com o tipo e intensidade das lesões na pele.
O controle da coceira também é fundamental, para evitar que o ato de coçar irrite e aumente a agressão sobre a pele.
Por tudo isso, a orientação do alergista é imprescindível a fim de descobrir quais os fatores agressivos à pele de cada pessoa e assim orientar cuidados específicos e individualizados.
Obrigado pela visita e volte sempre ao nosso Blog

caroline disse...

Olá meu nome é Caroline e gostaria de entrar em contato com a moça que está fazendo o tratamento do su filho no Japão.
Meu filho tem 8 meses e DA desde os 4 meses, já tentei diversos tratamentos e não quero investir nos corticóides.

Equipe PGRJ disse...

Caroline: nós não temos o email da paciente que deixou o comentário neste post. Obrigado pela visita e volte sempre ao nosso Blog.

Renata Catarina Henrique disse...

Olá!!! Quero parabenizar pelas informaçãoes contidas neste site. Tenho 35 anos e desde os meus 10 anos tenho problemas de alergia de contato de várias coisas (borracha, coton, elástico, plástico, etc). Com o tempo minha alergia foi evoluindo e cada vez piora mais. Em épocas de muito frio ou de muito calor, isso também contribui para piorar a alergia. Faço tratamento com acompanhamento médico, mas evito tomar medicamento e também evito passar cremes ou pomadas. Percebo, que de uns 5 anos pra cá, que estou engordando aos poucos e sinto meu rosto muito arredondado. Gostaria de saber, se o uso de cremes e pomadas, mesmo de forma controlada, proporciona aumento do peso corporal. Obrigada. Meu e-mail é renatachenrique@hotmail.com

Equipe PGRJ disse...

Renata: obrigado pelo incentivo ao nosso trabalho. O uso de cremes e pomadas na pele não é suficiente para o ganho de pêso. Entretanto, você não informou os remédios que usa por via oral. Aconselho que converse com seu médico e não tenha receio em expor suas dúvidas: ele a conhece bem e poderá orientá-la melhor. Lembro sempre que o diálogo entre o médico e seu paciente é fuindamental para o sucesso do tratamento.Obrigado pela visita e volte sempre.

Ana disse...

oi,
estou em fase de diagnostico, para descobrir se as irritaçoes que tenho na pele é proveniente da dermatite atopica ou eh psoriase. estou deseseperada com medo que seja psoriase. Diante mao, gostaria de saber se ambas as doenças nao transmissiveis de alguma outra forma, que nao a hereditaria?
obrigada e aguardo a resposta!

Equipe PGRJ disse...

Ana: nem a dermatite atópica nem a psoríase são doenças transmissíveis. Obrigado pela visita ao nosso blog.

Adolfo Eloy disse...

Em primeiro lugar, parabéns pela iniciativa do blog em divulgar informações corretas a respeito da dermatite atópica.

Gostaria de saber onde posso encontrar informações mais específicas, como artigos acadêmicos, revistas, pesquisas médicas e etc a respeito da dermatite atópica. Gostaria tentar entender, qual gene é modificado (alguém já sabe?). O que é diferente em quem é atópico?

Sou cientista da computação, e estou estudando para ingressar no mestrado futuramente, e uma das áreas que muito já me interessou foi a bioinformática. Caso puderem me indicar bibliografias, contatos e etc, será de grande ajuda.

Obrigado a todos.

Equipe PGRJ disse...

Adolfo: o site da ASBAI RJ (www.asbairj.org.br)disponibiliza o texto do guia prático de dermatite atópica da ASBAI e o reente consenso internacional sobre o tema.Estamos ao dispor também em nosso email: blogdalergia@gmail.com. Obrigado pelo seu incentivo ao nosso trabalho.

Isabela disse...

OLá, equipe!

Sou bióloga e faço especialização na área de imunologia. Estou desenvolvendo uma monografia sobre D.A e R.A, e gostaria de saber se há como obter informações sobre o assunto oriundas desta equipe, tais como artigos, relatos de pacientes e coisas do tipo. Gostaria de fazer uma pesquisa ativa, coletando dados. É possivel?
Desde já, agradeço a atenção dispensada.

Equipe PGRJ disse...

Isabela: aconselho que entre em contato através do telefone (21) 2517 4206. Peça à secretária Vanessa para agendar uma entrevista com nosso diretor, Dr. João Bosco de Magalhães Rios para que possa formalizar sua proposta.

Anônimo disse...

Tenho uma sobrinha de 3 anos que apresenta desde os 2 anos uma vermelhidão nas juntas de seus membros inferiores e superiores.A vermilhidão lhe dá muita coceira e um aspecto de pele ressecada que não melhora. Há uma semana esta alergia atingiu uma porção entre queixo e pescoço. Os médicos dizem que é hereditária e que trata-se de uma espécie de "impureza" no sangue. Porém, as pomadas receitadas não surtem efeito. Gostaria de saber se alguém tem alguma opinião a respeito!
Desde já agradeço.
Danilo.

Luiz disse...

É complicado descrever como é horrivel conviver com a DA, eu teho essa doença desde os 6 meses de idade, estou agora com 15 anos, e é uma das mais severas possivéis. No momento eu estou ótimo, mas o problema é que essa doença oscila muito, uns dias eu estou Ótimo, e derrepente no outro eu estou cheio de feridas, vermelidão na pele, sem contar aquela descamação e as "crostas" que caem da pele, é horrivél. É dificil suportar isso, mais com o tempo você se acustuma, o pior momento é na parte escolar, porque é uma tarfea rotineira que você tem que fazer, e tem dias que eu estou bem e tem dias que eu estou muito ruim, e mesmo ruim vocÊ tem que ir estudar, e em particular eu me sinto muito mal, quando eu estou ruim e as pessoas me olham. Isso pode até parecer hipocrésia, mais é verdade, a DA é nojenta, se as vezes eu tenho nojo de mim mesmo, imagina as outras pessoas com quem eu convivo. Eu cheguei um tempo a me afastar de todos os meus amigos, tentava esconder as lesões, evitava contato. O bom foi quando eu começei a perceber que tudo isso não passava de "besteira" minha, é normal as pessoas olharem porque é uma coisa diferente, algo incomum, mesmo sendo uma coisa horrivel. Foi quando eu começei a pesquisar mais sobre essa doença, e começei a me auto instruir, deixei de comer alguns alimentos que me provocavam aquela maldita coçeira, como leie, ovos e outros, no começo foi muito ruim, porque você se priva de muita coisa boa. Mas com o tempo você sente que melhora. colocar capas no colchão e no travesseiro ajuda a evitar o àcaro que também é um dos pirncipais causadores de coçeira. Começei a práticar exercios, mesmo eu tendo bronquite alergica, eu começei a correr, comecei a ter uma rotina, pondo horarios. Isso por incrivel que pareca ajuda muito, pois com o tempo voce vai vendo o que melhora e o que piora, e nisso você se adapta.
(Uma dica, quando estiver em momentos de coçeira, pare! e Respire e solte o ar, rapidamente, até parar a coçeira. Mas por quê que isso acontece?
R: Existe algo muito importante em nosso sangue, que é o PH em torno de 7,4, ou seja, a quantidade de hidrogenio no sangue.
Legal, o sangue tem que estar assim e o que isso tem a ver com a minha coceira?
Percebi que sempre que provocava a acidez em meu sangue, em pouco tempo tinha meus ataques do “coça-coça”. Eu percebia, porque toda vez que tomava leite, comia muita carne, refrigerante, açúcar, realmente, era tiro-e-queda, começava a coçar. É por isso que existe um método chamado BUTEYKO. Esse método consiste em inspirar e expirar insistentemente durante alguns minutos. Mas e daí? Quando inspiramos, oxigênio, e expiramos, dióxido de carbono, isso faz com que nosso sangue fique mais oxigenado e com isso a acidez no sangue diminui. Quando o sangue fica ácido, o organismo, como só funciona bem nesse nível de 7.4, levemenete alcalino, deve fazer de tudo pra mantê-lo, e por isso precipitam-se as manifestações alérgicas de várias formas, onde a coceira é uma delas.

viviane disse...

Olá! A dermatite atópica pode ocorrer em adultos? Como ela surge? Tenho rinite desde criança, já tive várias crises de alergia, mas sempre eram resolvidas com medicamentos, e sempre se achava a causa. Faz uns 2 meses aproximadamente que começou a surgir alergias diferentes das que sempre tive. Começou como focos de "bolinhas"parecidas com espinhas, pois parecia haver pus dentro, fui no médico e comecei a tomar anti-alérgico e aplicar pomada, porém não deu muito efeito, algumas vezes melhorava, depois voltava, tentei descobrir o que podia estar causando essas alergias, troquei marca de sabonete, de hidratante, deixei de ir na natação por um tempo... mas nada adiantou de verdade, percebi que tem certas coisas que irritam mais as alergias, mas elas não pararam totalmente... Agora, a partir dessa semana, a alergia modificou, tá mais parecida como uma dermatite de contato (mais sequinha),porém, além de coçar elas ardem, parece que a pele está queimando, e os focos estão bem mais abrangentes. Não estou conseguindo marcar consulta com alergista aqui em Porto Alegre, e não sei o que fazer... pois nada vem dando resultado. Gostaria de fazer algum teste de alergia, é só com médicos alergistas? ou pode ser com otorrinos?
Essas minhas alergias podem ser dermatites atópicas?
Bom, muito obrigada pela ajuda.
Viviane Machado

Marcos Antonio disse...

Olá a todos e todas, meu nome é Marcos e tenho Dermatite atopica a mesma só veio me atinge aós os 36 anos, acredito que deva ser emocional pois passei por vários problemas emocionais nesses ultimos anos, no caso de dermatite emocional o que devo fazer pra me curar.

esse blog é muito importante e esclarecedor é nec essário que venha a ser divulgado em uma escala maior.

Marcos Carneiro - Recife

Equipe PGRJ disse...

Danilo: o seu relato sugere que sua sobrinha seja portadora de dermatite atópica, em especial pela descrição das lesões nas dobras dos braços e pernas. A característica principal é a pele ressecada e que reage de forma exagerada para diversos estímulos. O melhor caminho é levá-la a um alergista e iniciar um tratamento específico para seu caso. Obrigado pela visita ao nosso blog.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Luiz: o seu comentário nos impressionou pela clareza, objetividade e ao mesmo tempo pela simplicidade e sentimento como descreve sua trajetória com a dermatite atópica. O mais importante é que você procura compreender melhor sua doença, não se prende apenas ao uso de medicamentos, mas busca uma forma de controlar também os fatores que podem piorá-la. Mantenha seu tratamento e caso precise, estamos ao seu dispor na Clínica de Alergia PGRJ.

equipe PGRJ disse...

Viviane: infelizmente não há como afirmar se as lesões na sua pele são decorrentes de uma dermatite atópica sem examiná-la pessoalmente. O ideal é procurar um alergista para orientá-la. O site da ASBAI (www.sbai.org.br) disponibiliza uma lista de especialistas em sua cidade. Obrigado pela visita ao Blog da Alergia.

equipe PGRJ disse...

Marcos: o fator emocional não é causa, mas pode influenciar e piorar uma dermatite atópica. Contudo, seja qual for o fator agravador, a dermatite deve ser tratada com médico especialista em Alergia. Havendo indicação, é recomendado que faça também uma psicoterapia de apoio. Obrigado pela visita e pelo seu incentivo ao nosso trabalho.

Anônimo disse...

Oi!!Eu sou Adriana, e minha mãe de 64 anos sofre de Sindrome de Sjögren, isso é o que diagnosticaram, mas as crises mais frequentes são na pele,é muito parecido com essas características, a coceira, abre feridas, realmente uma situação delicada,sinto-me impotente diante dessa situação, tem haver a sindrome com a dermatite ou ñão tem nada haver.Gostaria de esclarecimentos.Desde já, obrigada.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Adriana:infelizmente não é possível emitir um parecer sobre a alergia apresentada por sua màe baseado apenas em seu breve relato e sem examinar pessoamente.Sugiro que consulte um alergista para orientá-la adequadamente. Obrigado pela visita ao nosso Blog.

Anônimo disse...

Antes de tomar qualquer medicamento corte todos os alimentos que incluam aditivos alimentares (consevantes, corantes, etc): enlatados, fast foods, encaixotados, pizzas, ajinomoto, sazon, temperos sinteticos. Todos eles desencadeiam DA em mim e possivelmente em vcs.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

O seu conselho é sábio, pois uma alimentação saudável é recomendado para todos. Contudo, cada pessoa é única e o médico analisará cada caso para julgar se há necessidade de dieta especial ou de restrições alimentares. Obrigado pela visita ao nosso Blog.

EDILENE disse...

OI,DESCOBRI NA 1º GRAVIDEZ Q TENHO DECÊNCIA DE PONTOS,ALERGIA A PONTOS,QUALQUER UM.ELES ABREM NO MESMO DIA Q OS LEVO. POR FAVOR,HÁ ESPERANÇA PRA MIM? PRECISO FAZER CIRURGIA PLÁSTICA E TENHO DÚVIDAS A ESSE RESPEITO.POSSO USAR A COLAGEM AO INVÉS DE PONTOS?OBRIGADA

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Edilene: os dados que descreve nem sempre resultam de alergia. Para uma avaliação, é imprescindível examinar pessoalmente. Sugiro que procure um alergista. Estamos ao dispor na Clínica de Alergia PGRJ.

lusinelia disse...

minha filha tem DA moro numa cidade com poucos recursos não tem especialistas em alergia

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Lusinelia: na ausência do alergista, a dermatite atópica pode ser acompanhada pelo dermatologista ou pelo pediatra de sua filha. Obrigado pela visita e volte sempre ao nosso blog.

joice disse...

bom eu sou uma garota de 15 anos estou estudando e nunca vou pra escola sem uma blusa de manga por baixo, pois a minha alergia está situada nas curvas dos braços e nas mãos, primeiro começou só em uma mão agora está passando pra outra.As veses o quando estou triste dá vontade de não sair pra lugar nenhum.As pessoas a minha volta dizem pra eu num ligar que isso é besteira mas ninguém sabe o tanto de gente na minha vida toda que sempre me pergunta:` o que é isso na sua pele???``. É muito constrangedor e me irrita muito. só que pensava que só eu que inha mas agora vejo que não é.Agora não me sinto tão diferente assim. obrigada pelo espaço

joice cristina 11-12-2008

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Joice: nós é que agradecemos sua participação. Visite o site da ADA (Associação deDermatite Atópica) que se encontra na coluna de links à direita. Mantenha seu tratamento e tenha persistência nas condutas. Converse com seu alergista e exponha suas preocupações e dúvidas. E não desista, pois é possível controlar a doença.

Nair Castro *Águia* disse...

O QUE EU FAÇO???
Bom dia, adorei esse site, e este post...Há vários anos estou com uma coceira super chata(pescoço, seios, barriga e costas). Sou uma pessoa muito alérgica, tenho rinite, ou seja: mudanças de temperatura, poeira, cheiros fortes de produtos de limpeza,alguns tecidos, esparadrapo,atadura, absorventes íntimos, mordida de mosquito e até a barba do meu marido dá coceira no meu rosto.
As coceiras que relatei pioram muito após o banho(sempre tomo banho quente),e ficam umas bolinhas vermelhas, que vão sumindo aos poucos, algumas até deixam de ficar vermelhas mas parece que ficaram marcadas na pele. tentei vários sabonetes, glicerina, de bebê, mas sem sucesso...Vou tentar usar hidratantes após o banho.
Já pensei até que tinha sarna, até encontrar esse site.
O que eu devo fazer???????
Sinceramente, dá vergonha de ficar me coçando o tempo todo, as pessoas ficam olhando.
Desde já agradeço.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Nair: Obrigado pelo contato. Tentei passar um e-mail mas nao foi possivel. Aconselho que mantenha os cuidados hidratantes: sua pele so lucrara com isso. Escreva para nosso e-mail para que possa responder de forma mais adequada. Volte sempre ao nosso blog.

Anônimo disse...

Olá. Meu irmão tem 18 anos e sofre dessa doença. O rosto dele está terrível...levanta várias vezes durante à noite para passar água fria, tentando fazer a coceira parar. Sempre à noite. Que especialista podemos levá-lo, além de dermatologistas?
se puderem mandar mais informações, qualquer coisa...meu e-mailo eh cmilder@yahoo.com.br, moramos no interior do RS.

vivian disse...

Olá Adorei o blog. Tenho 16 anos,ainda não fui ao médico, mas tenho todos os sintomas de dermatite atópica,tenho vermelhões por todo meu corpo e coceiras,as vezes até me machuco e elas chegam a sangrar,é terrivel já fazem uns 2 anos e meio que estou com isso cada vez piora mais.
será que vcs poderiam me ajudar ?
Obrigada.
e Parabéns pelo site.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

O alergista é um profissional habilitado para tratar da dermatite atópica. Obrigado pela visita ao nosso Blog.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Vivian: em primeiro lugar, obrigado pelo seu carinhoso incentivo ao nosso trabalho. Quanto à sua alergia, o primeiro passo é procurar um alegista para confirmar se é mesmo um quadro de dermatite atópica. Outras doenças que podem provocar lesões semelhantes na pele e confundir o diagnóstico. Por isso, só é possível indicar tratamento após examiná-la pessoalmente. Obrigado pela visita e volte sempre.

Stela disse...

Ola tenho uma filha de 11 meses que tema AD moro no norte em Manaus uma cidade quente estou pensando seria mente em me mudar para Curitiba ja ouvi falar que é melhor o clima para quem tem AD ...venho lutando comecou des de quando ela tinha 2 meses vários tipos de pomas cremes e ja passeis por vários alegistas e dermatologistas , minha vida mudou por completo espero uma resposta em breve!
Quem quiser entrar em contado comigo estar ai o meu msn eu e meu esposo queremos compartilhar experiências para que possamos dar uma qualidade de vida melhor para nossa princesa!

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Stela: Sua pergunta é difícil de ser respondida com exatidão. Sabe-se que o calor tende a piorar a dermatite atópica pelo excesso de suor, mas também o frio excessivo tende a ressecar a pele, podendo piorar a alergia. Além disso, o clima não é o único fator que intefere com a dermatite atópica. Na verdade, a adaptação de cada pessoa é individual, não podendo sevir de base para todos os portadores da mesma doença. Aconselho que converse com o alegista que trata de sua filha pois ele a conhece bem e poderá orientar de forma mais adequada. Obrigado pela visita ao blog da Alergia.

Anônimo disse...

Olá tenho 28 anos e tenho esse problema, sempre vai e volta,já fiquei quase 9 anos sem essa coceira mas ela voltou.
Além de tudo tenho asma e rinite alérgica ,gostei muito do blog me esclareceu bastante!!

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

A dermatite atópica pode ficar um tempo sem se maniestar e depois reiniciar. Não desista de tratar. Procure um alegista e controle também a alergia respiratória. Obrigado pelo incentivo ao nosso blog.

Anônimo disse...

Gostaria de agradecer a Deus e publicamente pela honestidade e integridade, pelo sacerdócio da drªVanusa ,pois em um momento de sofrimento e sem saber o que fazer com as feridas de meu filho Caio,eu a descobri e nela confiando obtivemos as respostas e a melhora de sua DA.Agora sob a sua orientação , meu filho leva uma vida mais tranquila e o meu desespero diminuiu.A drª vanusa a minha eterna gratidão.Que Jesus e Maria a abençoe.Fernanda -Cons. Lafaiete

Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Fernanda: agradeço o seu carinhoso comentário em nome da Dra Vanusa. Obrigado pela visita e volte sempre ao nosso Blog.

Anônimo disse...

Boa noite.
Minha filha de 12 anos foi diagnosticada algumas vezes como tendo dermatite atópica. Quando tinha 8 anos, apresentou uma mancha circular de limite avermelhado e definido entre as coxas. Depois de algum tempo esta lesão virou uma ferida que só foi curada com uma pomada de corticóide. De lá para cá, com exceção de um período de um ano em que ficou bem, estas lesões se multiplicaram. Já fez tratamento com alergista, homeopata e dermatologista. No momento confesso que não sei que caminho tomar... ela está com várias brancas (talvez pelo uso de pomadas de corticóide) e irritações vermelhas que coçam muito. O que me causa dúvida é que vendo imagens de DA, não identifico muito com o que vejo na pele da minha filha, principalmente no começo da vermelhidão, que continua aparecendo como círculos com limites definidos. Como não foi feito nenhum exame laboratorial nela, é possível ter acontecido um erro de diagnóstico? Gostaria, se possível de saber quais doenças de pele apresentam estes sintomas. Obrigada.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Compreendo sua preocupação, mas infelizmente não é possível emitir um parecer sobre o diagnóstico de uma lesão na pele sem examinar pessoalmente. O diagnóstico da dermatite atópica é clínico, não existindo nenhum exame definitivo para tal. A nossa equipe médica está ao seu dispor na Clínica de Alergia da Policlínica geral do Rio de Janeiro. Obrigado por visitar nosso blog.

Anônimo disse...

Adorei esse espaço.
Minha filha tem 15 anos e já foi diagnosticado que ela tem DA. É muito difícil, ela chora nas crises, pois a pele resseca tanto e coça muito que ela não consegue ir à escola.Tudo o que vcs falaram(preconceito,rejeição,perguntas...),tb ocorre com ela.
Queria saber de um especialista em DA na cidade do RJ.É possível?

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

A nossa equipe médica está ao seu dispor. O site da ASBAI RJ (www.asbairj.org.br)disponibiliza uma lista de nomes de alergistas no estado do Rio de Janeiro. Obrigado pelo incentivo ao nosso blog.

Muleque disse...

Psioriase e Eczema e a mesma coisa ou tem diferença

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Psoríase é uma doença inflamatória da pele, não contagiosa que se acompanha de lesões descamativas na pele em geral no couro cabeludo, cotovelos e joelhos. Eczema não é uma doença, mas sim um têrmo usado para descrever um tipo de lesão. Sendo assim, o eczema pode ser observado em várias doenças. O eczema atópico é um exemplo. Um eczema bastante comum é o eczema seborreico, que acompanha a caspa. Obrigado pela sua participação em nosso blog.

Anônimo disse...

Olá. eu sou Adriana, tenho dermatite atópica também. faço tratamento como alergista e dermatologista, pois tenho asma também. Tenho 13 anos, estou ciente dos cuidados.. Está me acontecendo reações estranhas como.. a dermatologista me receitou um hidratante chamado Emulsão Universal que também é anti-estrias.. A minha canela esta dominada por estigmas atópicos.. e foi surgindo muitas espinhas na perna.. marcando ainda mais. minha pele ficou muito melhor, só que muito mais prejudicada com essas espinhas dolorosas. nunca tive isso, somente quando passei esse hidratante. e nao acredito que mudando de hidratante fosse diferente.. eu tenho alguns cravos e espinhas na face e a dermatologista achou melhor eu não passar nenhum "secante" para nao deixar meu rosto mais ressecado ainda.. isso tem alguma relação com muitas espinhas nas pernas??

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Infelizmente não há como responder sua pergunta sem examinar pessoalmente. Estamos ao dispor na PGRJ. Obrigado por visitar nosso blog.

Anônimo disse...

Olá, meu nome é Adriana, tive os sintomas depois de adulta, começou na faixa da cintura e se espalharam por todo o corpo. Fui em vários alergistas, fiz diversos tratamentos...diminuía e depois voltava pior. Dependendo do "stress", do tempo seco, do que eu comia, coçava mais ou menos, tenho cicatrizes nas dobras de braço e pernas. Por fim, fui a um hematologista, que após inúmeros exames de sangue me indicou um homeopata. Durante o primeiro mês do tratamento tudo foi diminuindo. Hoje, depois de três anos, nunca mais tive crises cruéis que se alastram pelo corpo. Aparece nas "dobras" mas eu já me cuido e somem. Foi o fim do sofrimento.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Que bom, mantenha os cuidados de hidratação de sua pele. Obrigado por visitar nosso blog.

Anônimo disse...

Eu Maria Aparecida de Lima 49 anos, tenho uma coceira forte, coça , fica avermelhada que queima chega até fransir o pescoço como se fosse queimadura, parece um fogo e depois que melhora se torna escura a pele e começa a descamar(sair um monte de casquinhas como se fosse do sol de praia e ficam escuras a pele e não volta + o normal, local da alergia nas dobras do braço local onde tem as veias(tira sangue) atrás do joelhos,atrás das orelhas e dentro, virilha,pescoço e até nas palpedras dos olhos , tenho meu pescoço manchas escuras parecem lodos,iniciou à 2 1/2 anos, a primeira vêz foi no mês de novembro era o dia mais quente do ano de 11/2007.
Tem uma coisa que me deixa encucada, fui em vários médicos um diz que é produtos químico, outro dermatite atópica (hereditátio familiar ) e que não tem cura, outros ácaros alergia pó(fiz teste e nada comprovado, a única coisa que eu sei é que tenho a pele totalmente seca, e qdo fico perto de poeira, cimento, a pele piora.
Na verdade gostaria de saber que tipo de loção hidratante para o corpo poderia usar, uqe não irritasse a pele, uso várias e a alergia piora , queima , fica + mervelha.

Por favor me ajudem , ja usei várias pomadas como
anticoóides e pioraram(aumentou a queimação)

Estou desesperada qdo penso que foi embora, volta novamente, se eu não usar hidratante fica a pele branca e extremamente seca.

Agradeço pela atenção e aguardo uma resposta

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Aparecida: o seu relato sugere uma dermatite atópica, mas só é possível emitir um parecer examinando sua pele e analisando seus dados cínicos numa consulta. Agradecemos sua visita e participação em nosso blog. Estamos ao seu dispor na Clínica de Alergia PGRJ.

Anônimo disse...

Minha esposa tem inumeros tipos de alergias(renite alergica, urticaria, sinusite e agora por ultimo a lingua dela fica inchada), aqui na nossa cidade nao tem alergista e nos nao sabemos o que fazer, nos ajude.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Compreendo a preocupação com sua esposa e gostaria de poder ajudar,mas infelizmente não há como indicar um tratamento através de aconselhamento por email e sem examinar pessoalmente. Aconselho que procure um clínico geral até que ela possa se consultar com um alergista. Estamos ao seu dispor na Cínica de Alergia PGRJ.

Raquel disse...

Ola,

Nao vivo no Brasil. Completo 45 anos em Dezembro. Pratico esporte e sempre tive uma boa saude. Minha mae tem rinite e eu tambem. Durante anos sempre sofri de alergias. Espirrava constantemente, agua caia sem parar, os olhos lacrimejavam... e so depois de tomar um anti histaminico e que acalmava. Vira e volta o meu nariz estava entupido e pra respirar era um sufoco...Sei q sou alergica a perfumes, poeira, e ar conicionado. Evitei os tres. Como comida saudavel e nao fumo. De uns anos pra ca, atravessei uma fase muito dificil e estive estressada constantemente.. Ha umas duas semanas, comecei a me cocar na testa do lado direito e nos cotovelos... comecaram a sair umas bolinhas que pareciam espinhas mas nao tinha nem pus nem liquido ( eram mais como picadas de pernelongo)... as bolinhas cocavam sem parar... Hoje e Domingo. Na ultima quinta feira, fui ao medico e ele me deu duas pomadas, para passar uma na testa e a outra nos cotovelos, dizendo que a causa era stress e que asssim que eu saisse de ferias, tudo passaria... . Comecei a passar. O da testa acalmou um pouco mas comecei a me cocar em lugares que nao me coacava antes (no meio das costas), atras das orelhas no couro cabeludo e em duas partes esternas da mao. Alem disso debaixo de meu joelho, (na canela), apareceram essas bolinhas em quantidades.. na coxa, em lugares diferentes, apareceream 3... e a unica coisa que acalma e o sabao natural feito com ervas e azeite de oliva que compro e passo nos locais para nao cocar. Estou apavorada! Nao sei o que tenho e nao sei se pode agravar so sei que o meu cotovelo jamais teve tantas "picadas de mosquitos" como tem agora, minha perna direita, parece um ralo, minhas costas nao param de cocar e eu faco o possivel e o impossivel para nao tocar. Vivo o dia inteiro com uma camada deste sabao no meu corpo para acalmar a coceira. E um sabao feito por uma senhora druza que tem dado resultados milagrosos em pessoas ate com psoriasis.. eu nao sei se devo para de fazer esportes pois transpiro em minhas caminhadas, ou se devo continuar. Meus banhos sao mornos (como aconselhados em muitos sites) e eu sou uma pessoa extremamente limpa. Tenho pavor do que estou vendo pois a sensacao da coceira nos cotovelos nao para e as bolinhas agravaram. As pomadas que recebi se chamam: Multiderm cream (Diflucortolone valerate cholrquinaldol) para os cotovelos e Aflumycin cream ( for the treatment of dermatitis associated with bacterial infections).
Estou a ponto de cometer um ato de insanidade se eu souber que vou me tornar um monstro, devido as coceiras e as bolinhas que nao desaparecem...tudo comecou ha pouco tempo. Questao de duas ou tres semanas.. O que devo fazer? Onde nao tenho bolinhas, comeco a me cocar...pode ate ser psicosomatico mas me coco e quando leio na internet, fico mais apavorada... comeco a me diagnosticar sozinha...espero quu nao seja uma doenca sem cura...

Por favor me ajudem. Estou disposta a mandar fotos se necessario. Nao tenho confianca nos medicos locais e porisso resolvi contacta-los. Ficaria muito feliz se alguem pudesse entrar em contato comigo porem gostaria de passar o meu e-mail diretamente a voces. Como devo porceder?

Agradeco de coracao

Raquel

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Raquel: gostaria de poder ajudar,mas infelizmente não há como definir a causa ou indicr tratamento através devaconselhamento por email,sem analisar seus dados clínicos de forma minuciosa e sem examinar pessoalmente. Caso queira, escreva para nosso email: blogdalergia@gmail.com Obrigado por visitar nosso blog.

Olinto Merchan disse...

Olá Drs.
Meu filho esta com 4 meses e a um mês começou uma alergia que os médicos diagnosticaram como dermatite atópica, passei pomadas e os medicamentos convencionais que estão descritos acima nas explicações, enfim, como não deu resultado estou partindo para a homeopatia.
neste meio tempo estou usando nele formulas caseiras tipo Banho com maizena, também faço uma pastinha de maizena e passo nas partes mais afetadas e também estou dando banho com Perganmanato de potássio, esse produto que estou com duvidas
O perganmanato é recomendado para dermatite atopica ?
Outra detalhe, estava passando o hidratante fisiogel mas, quando passava meu filho chorava muito parecia que estava ardendo então parei de hidratar, e com os banhos de perganmanato a pele ficou bem ressecada mas parece que esta cicatrizando e ao meu ver melhorou.
Para uma boa cicatrização das escamações e feridas e etc... não seria melhor deixar seco ?
Pelo menos o meu filho aparentemente não reage bem a hidratação da pele, já quando esta seco as feridas formam cascas e saem.
Qual a opnião dos Drs neste caso ?

Desde já agradeço

Olinto Merchan Pai do Estevan 4 meses

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Olinto: permanganato nâo é indicado na dermatite atópica: pelo contrário pode agravar o quadro. O alergista pode indicar outras formas de hidratação, mas a pele do alérgico (já seca) só piorará com o tempo se não for bem orientada. Se seu filho não se deu bem com um hidratante, procuram-se outras maneiras. Até que vá ao alergista sugiro que substitua o permanganato por compressas com água filtrada e gelada nos locais afetados. Obrigado pela visita .

Olinto Merchan disse...

Olá Drs.
Finalizando, eu continuei com o permanganato e melhorou muito, aos poucos as feridas secaram e sumiram já quando estava quase sem nada, apenas um pouco de casquinhas nas pernas, comecei a passar óleo Johnson com amêndoa para bebes e ficou ótimo, sumiu toda a alergia, parei de passar o permanganato e continuei a passar o óleo e ficou bom durante quase 2 semanas, hoje pela manhã percebi novas marcas na pela e a noite durante o sono ele se coçou e ficou levemente ralado, mesmo com a contra indicação passei novamente o permanganato, como para o caso dele resolveu estou repetindo a ação. Logo após passar o permanganato já se nota uma melhora, principalmente nas áreas que estão com feridas e a pele apesar de seca da impressão de suavizes.
Porque no caso dele o permanganato deu certo ?
Em relação ao agente que deflagrador, durante todo o tempo ele continuo tomando o Leite NAN, como houve uma melhora e não se cortou o leite, neste caso pode se descartar o leite como agente?

Desde já agradeço

Olinto

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Olinto: pedimos sua compreensão, mas não é possível esclarecer suas dúvidas ou apontar se o leite pode ser a causa da alergia através de aconselhamento por e-mail. Lesões na pele têm que ser examinadas e analisadas em conjunto com a história clínica do paciente. reitero minha colocação: o uso do permanganato deve ser criterioso pois se estiver muito concentrado pode ressecar a pele e piorar o processo. Um bebê de 4 meses tem pele sensível e deve ser medicado sempre com cuidado e cautela. Aconselho que exponha suas dúvidas ao alergista que trata do seu filho. Evite a auto medicação que pode ser perigosa. A nossa equipe médica está ao seu dispor na Clínica de Alergia da Policlínica Geral do Rio de Janeiro.

Olinto Merchan disse...

Olá Drs.
Muito obrigado pelas informações.
Em relação ao Alergista, meu filho já passou por 2 médicos, e cada um com uma opinião diferente, por isso resolvi mudar para a homeopatia, mas ainda não foi possível passar em consulta pelas agendas dos médicos conveniados ao plano.
Faço perguntas com o intuito de entender melhor esta doença para que eu possa ajudar da melhor forma meu filho evitando ou minimizando tentativas erradas.
Penso no Blog da Alergia em um local para se trocar informações, experiências e um bate papo informal, obviamente que não pode se tratar e nem esperar daqui como uma consulta ou algo totalmente concreto e a partir dai se alto medicar. Acredito que todos devem passar por um médico para uma avaliação exata.

Gostaria de formular mais uma pergunta.

O agente deflagrador de alergia (dermatite atópica) pode ser uma simples vacina, como a Rotavírus, Tetravalente ou a de poliomielite ?
Existe reações alérgicas a vacinas ?

Pergunto isso por pensar muito no que causou a alergia em meu filho, lembro que na primeira vez que surgiu a alergia foi logo após a primeira dose destas vacinas em 15/07 e após melhorar surgiu novamente 3 dias depois da segunda dose em 18/09.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Olinto:a base da dermatite atópica é uma predisposição genética (hereditári) que a criança traz desde seu nascimento. Contudo, a doença poderá se manifestar no decorrer de sua vida. Agradecemos sua participcão e seu incentivo ao nosso trabalho voluntário neste blog da Alergia.

Anônimo disse...

oi meu filho tem apenas um mes e 15 estou desesperada porque o medico me disse que o que ele tem é demartiti atopica não sei o que fazer pois esou vendo que ele esta sofrendo por isso estou sofrendo tambem mi ajudem por favor ele esta tomando remedio e etou passando hidratanteetou com muito medo o que devo fazer?

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

O cuidado com a pele, a hidratação, roupas leves ajudam no controle da dermatite atópica. Reduza o número de banhos: um por dia é o ideal. Caso tome mais de um, prefira banhos rápidos, sem sabonete. Os banho não devem ser demorados ou quentes, sem buchas ou esponjas. Use sabonetes suaves, para pele seca. Ao secar, utilizar toalha macia, enxugando sem esfregar ou friccionar a pele. Aplique o hidratante diariamente, logo após o banho, em todo o corpo.
Uma receita de vovó para diminuir a coceira e acalmar a pele: faça “banhos de maizena”, usando uma mistura de maizena com água, como se fosse um mingau ralo (consistência de shampoo). Jogue e deixe um pouco essa "papa" sobre o corpo. Depois, enxague com água, seque suavemente e use o hidratante. Convido que visite o site da Associação de Dermatite atópica (o li9nk está na coluna da direita neste blog): eles realizam reuniões com pais de crianças atópicas para orientar melhor os cuidados com a pele. Agradecemos sua participação e convidamos a voltar sempre em nosso blog.

Anônimo disse...

ola!!!!!obrigada pela resposta estou mas calma
outra perguta que eu gostaria de saber é si demartiti atopica não tem cura?

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

A dermatite atópica pode ser controlada com o tratamento permitindo que a pele fique normal. Um abraço.

esthefany disse...

olá!
tenho uma bebê de 8 meses mais agora k a crise veio a tona cheguei a chora varias as vezez tivi vergonha tbm de sair na rua com até procura na internt sobre essa doença queria sabe ok ela pode comer unica coisa k sei k ela tem alergiae morango ela tem k usar algum leite propio pra quem tem isso danoninho sera k continuo dando essas coisas pra me ajudem e tudo muito novo pra mim quero muito saber mais sobre isso

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Esthefany: a dermatite atópica pode ser controlada com o auxílio do médico alergista, permitindo uma vida normal à sua bebêzinha. É muito importante que você se informe sobre a doença para que possa se tranquilizar e transmitir calma e tranquilidade à sua filhinha. Aconselho que entre em contato com a Associação de Portadores de dermatite atópica onde certamente receberá apoio. Infelizmente, não é possível orientar da forma que solicita via internet, pois somente através de uma consulta médica é possível confirmar o diagnóstico de dermatite atópica e assim poder orientar o tratamento de sua filhinha. Aconselho que procure um alergista para orientar seu tratamento. Mas, lembro que bebês atópicos têm pele seca e sensível e gostaria de reforçar algumas recomendações que poderão ser úteis: 1) Reduza o número de banhos: um por dia é o ideal.2) Se precisar tomar mais de um banho por dia, prefira banhos rápidos, sem sabonete, só para refrescar a pele.3) Os banhos não devem ser demorados ou quentes, sem buchas ou esponjas. 4) Use sabonetes suaves, para pele seca. 5) Ao secar, não esfregue a toalha.
6) Aplique hidratante diariamente, logo após o banho, em todo o corpo.7) Não há necessidade de dieta à não ser que seja indicada pelo alergista.8) Uma receita de vovó para diminuir a coceira e acalmar a pele: faça “banhos de maizena”, usando uma mistura de maizena com água, como se fosse um mingau ralo (consistência de shampoo). Jogue e deixe um pouco essa "papa" sobre o corpo. depois, enxague com água, seque suavemente e use o hidratante. A nossa equipe médica está ao seu inteiro dispor na Clínica de Alergia da Policlínica Geral do Rio de Janeiro. Obrigada pela visita e volte sempre.

Anônimo disse...

Olá,Bom dia,Tenho um Bebê de 1 ano e 6 meses,no mês passado ela teve estomatite,fiz o tratamento e após sanado fui a pediatra no dia 21/10 pois minha filha começou a ter bolinhas endurecidas nas perninhas proxima a virilha,a pediatra informou que era da estomatite,da saliva, onde o bebê pegasse ficaria,a mesma receitou Hixine,Oilatum e Quadriderme, usei por uma semana,sendo que no último sabado 31/10 notei vermelhidão na face, quando suava muito, percebi que não estava meljorando e sim piorando,o corpinho foi tomado por bolinhas fui a emergencia e a pediatra de plantão passou óleo de amendoas,Cutisanol e continuar por mais cinco dias Hixine..Não sei mais o que fazer, ela coça e se sua a pele fica pior...Aguardo resposta, Elma Colaço

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Elma: compreendo sua preocupação e gostaria de poder ajudar, mas infelizmente não há como afirmar a causa de uma lesão na pele sem examinar pessoalmente. Aconselho que retorne ao pediatra e peça um encaminhamento para um alergista para orientar o tratamento de sua filhinha. Agradecemos sua visita e aproveitamos para convidar a assinar nosso blog, passando a receber nossos textos diretamente em seu e-mail.

Anônimo disse...

Drs do BLOG,esta semana foi bem corrida pra mim, após a instrução da pediatra de plantão, fui na quarta-feira(04/11/09) em uma Dermatologista, e a mesma constatou ser uma DERMATITE ATÓPICA, passou por mais uma semana o Hixizine e Desonol, nas parte mais afetadas,comecei no msmo dia o tratamento, hoje fazem 3 dias após o desonol, e só piora, nada melhora , as lesões ficam cada vez mais avermelhadas, que o minimo de coceira sangra...a Dermatologista pediu pra que eu voltasse para uma revisão dentro de uma semana..e assim vai..não sei mais o que fazer, o Alergista só consegui para o dia 23/11(data mais próxima),entrei em contato com a clinica de vocês, se possivel farei uma consulta até terça-feira..Obrigado pela atenção.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

O tratamento da dermatite atópica exige disciplina e persistência. O diálogo com o médico é fundamental para que ele possa conhecer melhor seu organismo e adequar seu tratamento. Por isso, você deve falar com sua dermatologista e informar como foi o efeito da medicação. Estamos ao seu dispor na Policlínica Geral do Rio de Janeiro. Agradecemos sua visita.

Aline Carneiro disse...

Que legal esse forum,faz três meses que desenvolvi a então chamada D.A,não aguento mas.......faço o tratamento conforme indica o médico e nada.....o pior é que não tenho paciência e começo chorar........me ajudem.........quero ir a essa clinica onde vcs atendem para ter uma segunda opinião.....vcs aceitam saúde Bradesco?

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Aline: o tratamento da dermatite atópica não é rápido. É importante que tenha persistência e disciplina para que possa equilibrar sua pele e superar sua dermatite. A nossa clínica não tem convênio com Bradesco. Agradecemos sua visita e aproveitamos para convidar a assinar nosso blog, passando a receber nossos textos diretamente em seu e-mail.

Lili disse...

Olá
Por favor nos ajude....meu sobrinho de 2 anos, tem a dermatite atopica, ele está muito mal, o rostinho dele está horrivel, na carne viva. Ele mora na Alemanha, ja fez vários tratamentos, com tudo que consta na sua matéria, inclusive, foi até se banhar no mar morto, segundo os especialistas, ajudaria, pelas aguas/lamas medicinais. Porém não esta resolvendo, ele continua do mesmo jeito, coçando e com o rosto demormado. Já tomou antibióticos, corticoides, etc...e nada.
Os pais dele estão desesperados, estão nos limites de suas forças. A criança não para de chorar e coçar, aumentando ainda mais a dermatite.

Obrigada

Liliane

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Compreendo sua preocupação e gostaria de poder ajudar,mas infelizmente não há como indicar um tratamento para uma alergia na pele sem analisar os dados clínicos e sem examinar seu sobtinho pessoalmente. Peço que envie um email com mais detalhes para que possamos orientá-la para cuidados preventivos que possam ser uteis. obrigado pela visita.

Anônimo disse...

Olá,tenho 14 anos e tenho a DA desde os 8 meses,agora já consigo controlar,apesar de ter passado por varios médicos,hoje com algumas sequelas,queria dizer á todos que estão passando por isso,que por mais que vocês achem que isso só está acontecendo com você,olhe para frente e agradeça,por você ter as duas pernas e os dois braços e que isso é apenas mais uma prova de DEUS.

Obrigado Clinica de Alergia,vcs me ajudaram muito,me senti melhor,em saber que meu caso tem controle..

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

O seu comentário é muito importante para nós. pois serve de estímulo para nosso trabalho voluntário. Agradecemos sua visita e aproveitamos para convidar a assinar nosso blog, passando a receber nossos textos diretamente em seu e-mail.

andrezza.finco disse...

Olá, meu nome é Andrezza e tenho 33 anos. Aos 17 anos fui diagnosticada com dermatite de contato nas mãos principalmente, nas outras partes do corpo foram surgindo com os anos, consigo controlar com cremes hidratantes, não faço uso medicamentos. O importante foi observar as coisas que me causavam mal.
De uns 10 anos pra cá vem surgindo reações alérgicas diferentes além da dermatite nas mãos, como: alergia a alguns medicamentos (com reações não somente na pele, mas sintomáticas), roupas, comida, cosmético, além dos habituais saponáceos e outros produtos de limpeza e adistringentes, como também luvas cirurgica e de limpeza (aquelas de borracha), balão e outros que não lembro no momento.
O médico do posto de saúde (clinico geral) disse que sou atópica após duvidar e depois presenciar uma das minhas reações alérgicas a dipirona que ele havia ministrado. (além da dipirona sou alérgica a outros medicamentos como: buscopan, diclofenaco de sódio, sulfa, anestesia raquidiana, miosan, e as vezes me causam mal estar algumas anestesias como dos dentistas (me dão taquicardia) e as vezes outros medicamentos tem seu efeito potencializado como o vertizine que tomei uma só vez, ou o dilatador que é utilizado por oftalmologistas). Ou seja, de forma alguma posso ficar doente... ah, me surgiu uma renite neste final de ano também.

Mas as minhas dúvidas são as seguintes:

- Pelos comentários que li todos relatam a diminuição ou estagnação da dermatite com o tempo, mas a minha está piorando com o tempo e isso é possível na condição atópica?
- E será que estas características são da condição atópica mesmo ou devo investigar mais a fundo, já que não fui diagnosticada por um especialista?

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Andrezza: peço sua compreensão, mas não podemos esclarecer suas dúvidas através de aconselhamento por e-mail. Lesões na pele têm que ser examinadas e analisadas em conjunto com sua história clínica. Mas, gostaria de fazer algumas considerações: 1) a dermatite de contato não desaparece com o tempo, já que depende de células chamadas " de memória". 2) Uma pessoa alérgica á dipirona, automaticamente também o será a outros analgésicos e antinflamatórios que tenham ação química similar. 3) a taquicardia após anestesias dentárias pode ser um efeito colateral (não alérgico) devido ao vasoconstritor contido na fórmula. 4)a rinite é uma doença que pode ser alérgica ou não. Portanto, aconselho que procure um Serviço de Alergia, onde poderá receber uma orientação especializada e adequada ao seu caso. A nossa equipe médica está ao seu dispor na Clínica de Alergia da Policlínica Geral do Rio de Janeiro. Obrigado pela visita e volte sempre ao nosso blog.

Anônimo disse...

Olá, meu filho já nasceu com manchas vermelhas no rosto que rapidamente se espalharam pelo corpo e desde então elas persistem. Muitos tratamentos já foram feitos e o que pude perceber é que houve uma melhora significativa depois que ele começou a usar o elidel. Gostaria de receber mais informações sobre este medicamento, pois pretendo continuar com este tratamento, pena que seja tão caro! Grata
Elaine Macedo

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Elaine: Elidel (pimecrolimus) é um medicamento moderno, que pode substituir os cremes à base de corticosteróides. Inibe a produção de substâncias inflamatórias da pele (citocinas), sendo utilizado no tratamento de manutenção da dermatite atópica. Convido que visite o site da AADA (http://www.aada.org.br/) Agradecemos sua visita e convidamos que assine nosso blog e passe a receber nossos textos em seu e-mail.

enf_lisa@hotmail.com disse...

enf_lisa@hotmail.com

Sou de florianopolis,meu filho tem 5 anos,e tem dermatite nas dobras do joelho,qdo ele começa a pular,ele sua e começa as coceiras no pescoço e rosto e joelhos...mostrei ao médico mas ele não deu muita importancia dizendo q não tem cura...Mas lendo na internet sobre o assunto to mais esclarecida e informada.Vcs teriam algum profissional pra me indicar?
Obrigada desde ja!

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Lisa: Florianópolis tem ótimos profissionais. Aconselho que entre em contato com a ASBAI ( através do site www.sbai.org.br ou por telefone 11-5575 6888) e solicite a indicação de um médico especialista em alergia.Obrigado pela visita.

Ana disse...

Olá!
Meu nome é Ana, moro em Curitiba e ha alguns anos convivo com a dermatite de contato. Fiz um exame expecífico (pach nas costas)que detectou alergia a CARBA MIX (borracha natural e sintética, preservativos, bandas elásticas nas roupas, desinfetantes, sabonetes, shampoos, dentre outros..). Acredito que meu maior problema esteja no elástico das roupas, principalmente no elástico das calcinhas e soutiens. E a minha maior dificuldade está sendo encontrar estes produtos para quem sofre desta alergia. Vocês saberiam me informar onde posso encontrar calcinhas e soutiens antialérgicos em Curitiba? Fico no aguardo, obrigada.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Ana: não conheço Curitiba. Aconselho que entre em contato com as lojas especializadas: Alergohouse (www.alerghouse.com.br) e com a Alergoshop (www.alergoshop.com.br) Obrigado pela sua visita.

rosimeire disse...

ja tentei de tudo nada resolveu me ajuda por favor minha filha sofre e eu tambem os medicos ja chego fala que era sarna vc imagina que e ouvi isso agora passei em um alergista ele falou que e dermatite atopica mas nao passou nada eu nao tenho dinheiro para levar em um medico particular por isso pesso ajuda por favor muito obrigadi se for atendida

janete disse...

Estou com 52 anos, nunca tive alergia a nada, agora em menos de 06 meses tive dois episódios de alergia, com coceira, e manchas avermelhadas. já fiz todo o tipoo de tratamento, com antistampinico e corticóides, nada tem adiantado.
O que devo fazer? ah. sou diabética e os corticoides tem alterado minha taxa de glicose.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Rosimeire: compreendo seu sofrimento, mas pouco posso fazer através de um aconselhamento por e-mail, já que é essencial examinar a pele de sua filha, conhecer seus dados clínicos de forma minuciosa para tratá-la. Escreva para nosso e-mail (blogdalergia@gmail.com) informando em que cidade mora para que eu possa ajudá-la. Obrigado pela visita.

Anônimo disse...

Tenho 18 anos e estou com a doença há um ano e meio. Após uma biopsia fui diagsnosticada com dermatite atópica. Primeiro apareceu uma lesão em forma de "medalhão" no meu ante-braço esquerdo, depois de tomar remedios a base de corticoide a lesão sumiu, sendo que já havia sinais dela na minha mãe direita, dpeois de uns dois meses foram aparecendo bolinhas doloridas e muito vermelhas que se espalharam e coçavam muito, tomei injeção não adiantou de nada, depois tomei remedio (corticoide) e também não adiantou, minha dermatologista´pediu um teste de alergia... Minha mão piorou muito, muito em duas semanas, deu uma melhorada de ontem pra hoje, mas tá coçando muito ainda. Vou fazer o teste, mas queria saber se a consulta com um imunologista é necessária além do dermatologista e alergista. POis de acordo com as pesquisas que fiz a doença tem fatores hereditários, imunologicos e fisiologicos envolvidos. Desde já agradeço.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

O médico portador de título de especialista fornecido pela ASBAI (Associação Brasileira de Alergia e Imunologia) está apto a trabalhar nas duas especialidades. Agradecemos sua visita.

Anônimo disse...

Oi gostária que vcs me ajudasse, a 3 mês eu sofro com alergia vou ao medico e nao da jeito, antes a alergia que eu tinha era só coceiras agora ela vem com coceira que levanta aonte eu coso, e também fica as marcas das minhas unhas aonte eu coso depois da coceira que ficar aquele vermelhão ai vem um esquetamento parece que o local vai pegar fogo me ajude por favou .ja tomei Celergin , Dexclorfeniramina ,Loratadina e Helegin eu moro no acre cidade de Tarauacá e aqui não dermatologistaeu nao sei mais o quer fazer espero ajuda desde já agradeço

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

compreendo seu sofrimento mas o parecer que solicita não pode ser feito através da internet, baseado apenas nos poucos dados que enviou. O seu relato sugere que possa ser um dermografismo, mas para afirmar, é essencial avaliar seu caso de forma criteriosa. Aconselho que procure um clínico geral,já que em sua cidade não há especialista em Alergia ou em Dermatologia.

Eliel C. Matos disse...

Oi, tenho uma filha de 7 anos, e desde um 1 ano ela tem DA,mas com o tratamento a DA esta controlada. eu e minha esposa temos vontade de ter outro filho, mas temos medo de nascer com o mesmo problema de saúde.pergunto á posibilidade de outro filho nascer com DA, vcs sabem de algum caso, semelhante? grato Eliel. Ourilândia do Norte-PA.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Eliel: embora seja comprovada a participação da genética na dermatite atópica, não é obrigatório que um outro filho tenha o mesmo problema. Aconselho que exponha seu temor ao alergista que trata de sua filha pois conhece mais detalhes para poder orientar adequadamente. Agradecemos sua visita.

Anônimo disse...

ola pessoal...a pouco tempo ...descobri que meu filho com dois meses de idade,também possui dermatite atópica...foi uma luta muito grande até descobrir o q ele tinha...agora que já sei,irei começar o tratamento...c água boricada e hidratante...eu não conseguia dormir..me alimentar direito..por conta desse problema do meu filho...mas ele vai melhorar...bjin..para tds...

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Mantenha o tratamento do seu filho e entre em contato com a AADA (www.aada.org.br) onde certamente receberá o apoio educativo para que o tratamento seja um sucesso. Obrigado pela visita.

Anônimo disse...

Ola a todos!
Tenho 22anos, tenho dermatite atopica desde os 7anos de idade em especial nas pernas, sempre controlei com muita hidrataçao em todo o corpo, mas ha dois anos piorou, as crostas alastraram pelo peito e braços e a coceira passou a ser em todo o corpo, fui a um dermatologista k me deu apenas uns compromidos de cortisona e um creme extra-emoliente, todos sabemos k tratamento com cortisona tem de ser a curto prazo, o problema e k so consigo controlar com esses comprimidos. A minha pele anda tao seca k rasga k nem papel, tenho hidratado 5vezes por dia com o creme extra-emoliente, mas mesmo assim... Trabalho numa padaria e sei k o calor e a transpiraçao nao ajudam, nem o stress. Acordada eu controlo o coçar, mas a dormir e impossivel. Eu sei k nao devo tomar cortisona a longo prazo mas tbm nao posso permitir k alastre inda mais,nas pernas ninguem ve, mas nos braços e face sim...
EXCELENTE BLOG.
Obrigada!
Beijos

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

As dificuldades para tratamento de manutenção da dermatite atópica são muitas, pois nem sempre depende apenas de um fator isolado. Fatores do ambiente de trabalho, da casa, da própria pele devem ser levados em conta a fim de se obter um bom resultado.Convido que conheça o trabalho da AADA (www.aada.org.br). Agradecemos seu incentivo, pois é um estímulo muito importante para nosso trabalho voluntário neste blog da Alergia. Volte sempre.

July disse...

Minha filha tem 8 anos e á mais ou menos tres meses ela vem apresentando uma coceira terrivel, chegaram até falar que era sarna.
Mas consultando uma dermatologista ela me disse que era dermatite e uqe isso iria acompanha-lá pelo menos até a adolecencia ai poderia diminuir ou até sumir.
Bom, a pele dele está toda escamando e manchanda eu gostaria de saber se vai voltar ao normal ou essas manchas vaõ ficar?
juliana/colombo

Obrigado!!!!

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

July: a dermatite atópica se manifesta por uma pele seca, irritativa, que se acompanha de lesões eczematizadas, esbranquiçadas. O tratamento permite o controle das lesões. A tendência alérgica é genética e permanece até a idade adulta, mas a doença fica equilibrada. Obrigado pela visita ao nosso blog.

Anônimo disse...

FUI UMA DAS MÃES DESESPERADAS,ATRAS,PELAS MADRUGADAS, DE SITES QUE FALAVAM DO ASSUNTO,ESTE NA ÉPOCA ME AJUDOU BASTANTE,HOJE AGRADEÇO A MEU JESUS QUE ME AJUDOU A SUPERAR E PRINCIPALMENTE A REMISSÃO COMPLETA DA DOENÇA DE MINHA FILHA, FOI ATRAVÉS DE FÉ DE MÃE QUE TENHO CERTEZA ALCANÇAMOS O CORAÇÃO DE DEUS E HOJE ALIVIADA EU POSSO ESCREVER NESTE BLOG, NÃO SE DOS DESESPEREM A DERMATITE TEM CURA SIM,MINHA FILHA DESDE 1 ANO E SETE MESES, SOFRIA DESTE MAL, FORAM VÁRIOS MÉDICOS, ELIDEL, POMADAS DE CALENDULA PARA ALIVIAR O COMICHÃO, ELA ERA SECA,ROMPIA TODAS AS DOBRAS, O PIOR ANUS ,VAGINA, JÁ NÃO DORMÍAMOS MAS, FICAMOS ASSIM DURANTE UM ANO, MINHA FILHA CHORAVA E NÓS TAMBÉM,RESOLVI SUSPENDER ANTI ALÉRGICO
PROCUREU UM HOMEOPATA ,TRATA DO PASCIENTE NÃO DA DOENÇA,UMA DICA IMPORTANTE É USAR NA ULTIMA ENXAGUADA DO BANHO ÓLEO DE GIRASSOL DESTES DE COZINHA MESMO É BARATO E UM ÓTIMO HIDRATANTE, MAS SÓ SERVE PARA PELE SECA,DESCOBRI UMA LINHA DE PRODUTOS QUE AJUDA A RECUPERAÇÃO DA PERDA DE LÍPIDIOS DA PELE LINHA MUSTELA, FOI MUITO BOM, FIZ UMA OPERAÇÃO LIMPA CASA, TIREI TAPETES, CORTINAS URSOS DE PELUCIA ELA SÓ USAVA ROUPAS DE 100 POR CENTO ALGODÃO, NÃO COMIA CORANTES,CARNES DE PORCO,EMFIM, PESQUISAMOS E OBSERVAMOS TUDO QUE PODERIA PIORAR, AFINAL DE CONTAS DEUS FAZ A PARTE DELE MAS NÓS TEMOS QUE FAZER A NOSSA, OREI BASTANTE, CHOREI NO COLO DE JESUS POIS SÓ ELE PARA NOS AJUDAR, E EM MARÇO DE 2010, A PELE FOI AMANHECENDO CADA VEZ
MELHOR, AINDA É UM POUCO RESSECADA, MAS JÁ VOLTAMOS A DORMIR, O MÉDICO QUE DIZIA NÃO TER CURA DISSE, O ORGANISMO DELA SOUBE LIDAR,E EU DISSE DEUS CUROU MINHA FIHA,QUEM VAI TER CORAGEM DE DIZER QUE NÃO,HOJE ESTOU MUITO FELIZ, AGRADECIDA A DEUS,E DIZER TUDO PASSA,TER PASCIÊNCIA, AJUDAR O PASCIENTE A NÃO SE DESESPERAR,É UM BOM COMEÇO POR QUE CADA VEZ QUE FICÁVAMOS DESESPERDOS A CRIANÇA FICAVA ESTRESSADA, ERA PIOR, ONTEM FOMOS A PRAIA, ELA VEIO E ME DISSE, MÃE JESUS ME CUROU MESMO, E EU CHOREI,A TODOS QUE SOFREM COMO EU SOFRI, DEUS TE OUVE PEDI, PEDI, DAR-SE-VOS-A,BATEI E JESUS ABRIRÁ,DERMATITE ATÓPICA TEM CURA SIM!HOJE MINHA FILHA TEM 4 ANOS...

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Fico feiz em saber da melhora de sua filha. E, mais ainda em saber que nosso trabalho neste blog serviu de apoio nesta caminhada. Obrigada ela visita. Volte sempre.

Rosana disse...

Olá.....
Há alguns meses tenho coceira em várias partes do corpo que vão e vem, sem motivo aparente, começou no couro cabeludo, senti um local dolorido e inchado, como se fosse uma batida um "galo", que doía e coçava, de um dia para outro mudava de lugar, notei que tinha uma pontinha, feridinha, depois sumiu. Alguns dias depois tive uma coceira no pescoço e ombro, parecia brotoeja de criança, fui ao médico, que receitou tratar como escabiose. Não deu resultado, não é escabiose. Depois começaram a aparecer esporadicamente coceira nas palmas e dedos das mãos, sola dos pés, pernas, nádegas, braços, enfim no corpo todo, mas não tive mais nada no couro cabeludo. O estranho é que as vezes sinto a coceira e a pele fica inchada, vermelha e muito rígida, que dói muito, além de coçar, como se tivesse levado uma batida e inchado, nesse caso percebo uma grande placa vermelha, dolorida e que coça, como se tivesse levado uma picada de inseto e o veneno espalhado. Outras vezes começa a coçar e aparecem várias bolinhas como se tivesse levado muitas picadas de inseto na mesma região, nesse caso não dói, só coça muito, uma coceira desesperada. Tenho hipotireoidismo , há 18 anos, e a endocrinologista disse que poderia ser alguma alteração hormonal, pois estava sem tomar medicamento, mas voltei a tomar o medicamento e não melhorou. Tenho mais de 40 anos e nunca tive alergia alguma.
Se possível gostaria de um retorno, muito grata, Rosana.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Rosana; o seu relato não sugere que seja um caso de dermatite atópica. Peço sua compreensão, mas infelizmente não há como emitir um parecer sobre uma alergia sem examinar pessoalmente. a nossa equipe médica está ao seu dispor na Policlínica RJ. Agradecemos sua visita ao nosso blog.

Anônimo disse...

eu abidilene tenho essa doença desde criança eu sofri muito tomei muito remedio mais nada adiantava eu lembro quando era adolecente minha mãe me levou ao medico que ele falou:quando ela fizer 21 anos ela vai melhorar. Eu melhorei mas
agora com meus 35 anos volta tudo denovo eu achei que estava curada procurei um outro medico que me falou que essa doença nao tem cura.Algeum pode me dizer pq fiquei boa desse tempo ate agora.passei um momento de estresse muito grande isso tem a ver? alguem pode me dar um resposta?

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Abidilene: a dermatite atópica pode ficar muito tempo sem se manifestar e depois apresentar sintomas. A base da doença é genética (hereditária) mas sofre a ação de fatores ligados ao ambiente da pessoa, emocionais, etc. Aconselho que exponha sua dúvida ao seu alergista para que ambos possam analisar seu caso e esclarecer os fatores envolvidos.Obrigado pela visita.

Anônimo disse...

Boa noite a todos!

Gostei muito deste blog e dos comentários das pessoas que aqui fizeram. Sou pai de um menino de 8 anos de idade que tem DA. Fico deseperado e muitas vezes choro pelo desespero de nao conseguir ajudar meu filho. Ja leveio-o em VARIOS médicos mas infelizmente nao tenho sucesso no resultado. ele melhorou apenas qdo tomava o corticoide, qdo suspenso fica horrivel! tadinho esta com a auto estima super baixa, chora, nao quer sair e nem ir para a escola. Ja conversei com a professora na escola para tentar ajuda-lo com os colegas de classe mas nem assim resolve. Estou procurando uma psicologa, pois a anterior nao gostei do trabalho. Se alguem puder me ajudar indicando um medico e uma psicologa especialistas para DA por favor me ajudem. Sou de Curitiba e estou disposto a levalo a outra cidade se for o caso! muito obrigado

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Em Curitiba, aconselho que procure o grupo de apoio à dermatite atópica da AADA: www.aada.org.br Local: Saúde Pública Endereço:
Rua Barão do Rio Branco, 465 Informações:
(41) 3304 7558 Obrigado por sua visita.

Anônimo disse...

Boa tarde!
nesta tarde por curiosidade de também por querer achar uma maneira de aliviar essa minha alergia procurei vários sites sobre este assunto. Tenho está alergia desde criança, meus pais me levaram a vários lugares em busca de tratamento mais os remédios indicados sempre ocasionavam muito sono e por isso os tomo quando estou com muita coceira. Hoje estou com 23 anos casada e meu marido morre de dó a me ver coçar tanto. sei que esta alergia vai continuar e o que eu posso fazer é tentar aliviar seus sintomas. estou feliz por ver que não sou a única. gostaria de saber sobre o medicamento chamado propotic e se ele realmente funciona. obrigado por esclarecer várias dúvidas. parabéns ao site

kevelyn

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Kevelyn: Protopic é uma medicação que mostra bons resultados no tratamento da dermatite atópica, mas é importante entender que a pele atópica necessita cuidados especiais que não se resumem ao uso de cremes e pomadas. Aconselho que conheça o site da Associação de Portadores de Dermatite atópica (www.aada.org.br) para que aprenda a cuidar de sua pele. Agradecemos sua visita.

Anônimo disse...

oii eu aqui pra pedir uma ajudinha.
a alguns dias atras minha palpebra começou a coçar e arder, mas era em um lugar minimo.. Hoje estaa na parte inferior do olho e em quase toda palpebra.Nessa região minha pele fica ressecada e saindo umas casquinhas, e coça muito.. e quando lavo ou passo algum creme arde demais .. Está inchado e ficando meio roxo. Preciso saber qoue é pq a cada dia parece que aumenta.
Passei agua borica, mas acho que não adiantou nada.
Desde ja agradeço

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

O seu relato sugere que possa ser uma dermatite de contato, mas não há como confirmar sem examinar pessoalmente. Aconselho que procure atendimento médico. Obrigado pela visita ao nosso blog.

Anônimo disse...

ola,meu nome é Jane e tenho uma filha de 25 anos e ela tem alergia começou a se manifestar qdo tinha uns 13 anos.levei ao medico tratou com corticide;melhorava mas sempre voltando;agora em julho voltou com força total;mas uma vez tratou da maneira comum,sendo q ficou as sequelas pele ressecada,manchas aumento de peso.Agora nos conversamos e resolvemos procurar ajuda na homeopatia.A quem procurar,por favor me ajude.Desde ja obrigado.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Jane: a nossa equipe médica está ao seu inteiro dispor na Clínica de Alergia no Rio de Janeiro. Gratos pela visita.

Anônimo disse...

Podem me informar se o Buscopoan Composto pode ocasionar essa dermatite atópica, ou alguma alergia parecida? Meu filho de 6 anos teve dor no estômago, ai mediquei com Buscopan, no outro dia ele ficou todo avermelhado nas costas pescoço, com a pele bem grossa e coçando, e logo reclamou que a garganta estava doendo, fiquei assustada.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Buscopan composto contém dipirona, que pode provocar alguns tipos de alergia. Sugiro que leve seu filho a um alergista. Gratos pela visita.

Anônimo disse...

Oi,confesso que estou emocionada,principalmente com o depoimento do Anônimo sobre o seu filho é muito parecido com minha história eu espero que vcs possam ajuda-lo.Me chamo Janaina e tenho DA titulada crônica,minha primeira crise foi aos 3 meses estou com 37,confesso que estou cansada pois sempre que vou me cuidar é sempre a mesma coisa viro cobaia,tive várias crises horríveis fui internada algumas vezes e resolvi agora voltar ao tratamento despois de mais de 10 anos usando corticóides por conta própria só que os médicos tentam tirar o corticóide de mim e me mandam pra casa sem outra consulta marcada,resultado eu fico em um estado deplorável, ai não aguento e volto para o corticóide,sou negra mais minha pele está mudando de cor,escama o tempo todo e agora faz umas verrugas estou com tudo o corpo marcado,o médico que está me acompanhando me receitou um tratamento de luzes e disse que é minha última esperança(estou na fila aguadando já a alguns meses).Enfim descupa o desobafo,é que eu acho que fazem pouco de nossa enfemidade e muito pouco por ela.Gostaria de perguntar onde posso ler e estudar mais sobre DA,os males do corticóide e se existe aqui no RJ algum lugar,hospital,ong..com grupos de apoio,psicologos enfim.Agradeço,parabéns pelo trabalho de vcs!

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

A Associação de Apoio à Dermatite Atópica - AADA foi criada em 1990 no Hospital das Clínicas em S. Paulo, com objetivo de apoiar portadores de dermatite atópica e seus familiares na busca pela saúde.
No Rio de Janeiro, o Setor de Alergia e Imunologia Dermatológica da Santa Casa da Misericórdia realiza reuniões mensais de apoio aos portadores de dermatite atópica e seus familiares, com a participação de médicos e de uma psicóloga
AADA –RJ: Instituto Prof. Rubem David Azulay - Santa Casa da Misericórdia: Rua Santa Luzia, 206 (anfiteatro do Pavilhão São Miguel)
Reuniões mensais – última quinta-feira de 12:30h às 14:00h
Gratos por sua visita.

Não há taxa para participar e não há necessidade de ser paciente do Serviço

Anônimo disse...

Meu Deus! Quanta gente sofrendo!! Estou até sem jeito de falar sobre o meu problema, que não é tão sofrido assim. Eu entrei aqui procurando informações sobre uma coceira nas duas pernas (do joelho ao calcanhar) que vem me incomodando já a algum tempo, mas somente durante a noite. A perna não tem nenhum sinal de nada, mas quando começa a coçar, o ato de coçar é que provoca vermelhidão e ardencia. Todas as noites tenho esta comichão. Tento não coçar, mas às vezes começa quando estou dormindo e coço sem querer. No dia seguinte, quando não consigo controlar para não coçar, a perna fica naturalmente irritada e ardendo... mas não coça. Só à noite é que coça.
O que pode ser? Perguntei para minha cardiologista se precisava consultar algum especialista, mas ela se mostrou reticente...
Maravilhoso trabalho que fazem aqui. Parabéns.
Gloria

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

A dermatite atópica pode fazer sofrer muito. Por isso, existe hoje a Associação de Portadores de Dermatite atópica que reune médicos, psicólogos e outros profissionais de saúde para ajudar os portadores da doença. Quanto ao seu caso, o seu relato não sugere que seja uma atopia, mas para afirmar, é essencial examinar. Aconselho que procure um especialista para orientá-la.
A nossa equipe médica está ao seu dispor na Clínica de Alergia da Policlínica Geral do Rio de Janeiro. Gratos pela visita e pelo seu carinhoso incentivo ao nosso trabalho voluntário no blog da Alergia.

Leticia Alencar disse...

Boa tarde a todos ! tenho um filho de 3 anos e meio que foi diagnosticado com dermatite atópica em uma crise em uma emergência de um hospital, fiquei bastante assustada mas é realmente essa doença alérgica, apareceu muito de repente e o quadro é realmente cíclico, ele passa períodos ótimos e de repente a crise volta, a crise é geralmente acompanhada de muita coçeira nas dobras (perna e braço) com formação de lesões, tb tem tosse seca, ele fica muito irritado com as coçeiras, mas já percebi que no verão as crises são mais frequentes e violentas que no inverno.
Queria uma indicação de tratamento que fosse eficaz. Eu também já usei nele o Singulair, foi ótimo, usei só 1 mês.
A pele dele é realmente muito seca e tomo muito cuidado com a hidratação constante, sempre no máximo 3 minutos após o banho. ELe se dá muito tb com o creme Ureadin infantil, mas na crise parece q nada resolve. Nesse momento ele está no período da crise de coçeira e prurido na pele, tenho muita dó e queria poder curar meu filho.
Já me indicaram tratamento homeopático, mas ainda não die início.
Moro em Salvador, será que tem alguma indicação de médico especializado ou pessoas que eu possa contatar que faça parte do grupo de Dermatite atópica?
A todos muito obrigada e força pra nossas crianças!

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Não sei informar sobre locais de atendimento em Salvador. Aconselho que entre no site da Associação Brasileira de Alergia (www.sbai.org.br) e visite a seção "Encontre um especialista" onde poderá receber a informação que deseja. Gratos por sua visita.

Aline Bissoli disse...

engraçado, tenho DA desde os 11 anos, quando apareceram as primeiras bolinhas.
minha mae me levou em masi de 10 dermatologistas, medicos, feiticeiros, ciganos, e ninguem sabia o q eram aquelas bolinhsa. até q um dia uma dermatologista veio com a maior calma: é dermatite atopica... algo comum em pessoas que tem pele seca, problemas respiratorios e td mais. ela até tinha um folhetinho no consultorio explicando sobre a DA!
meu deeeeeeus, como assim?? tu roda o mundo pedindo uma explicação para bolinhas que apareceram sem razao no teu corpo e dps de mais de 2 anos alguem fala o q é e vc descobre q algo comum e facil de lidar =)
google salva.. se naquela epoca eu fosse uma louca por internet, alias , setivesse internet XD, era bem novinha.. eu matava essa rapidinho!
passei 2 anos convivendo com varias perguntas e cara de nojo: aiiiiii o que é isso no seu braço? e eu sem saber o que responder!
pessoas com certo medo e nojinho do vermelhinho, que era bem discreto, apenas nas dobras do braço e joelho.
uma vez me irritei com uma dessas perguntas e respondi para uma prof: é um cover da hemorroida q tu tem na bunda.. o q me resultou uma bela advertencia hehe.. mas nao aguentava mais tanta cara de nojo por umas simples bolinhas.
muitos bebes tem e ainda assim sao chamados de fofinhos, levam apertoes e o povo segura no colo, mas adulto portador de DA sofre preconceito sim.
achei engraçado o fato de ser uma doença hereditária, pois ninguem da minha familia tem dermatite, nem meus pais, e eles tb nao tem nenhuma das doenças que resultam na DA.
enfim, sao 12 anos convivendo com a DA e hj nem encano mais com isso.
antes eu ficava nervosa e me stressava e so piorava a pobrezinha.. as vezes nem passo hidratante, dou uma coçadinha, deixo ela pior do q está. mas nao fico encanada em tentar tirar ela do meu braço. tanto pq ela ja criou uma mancha um pouco mais escura nas regioes em que apareceu.
mas atualmente só tenho nas dobras do cotovelo.. joelho desapareceu uns 3 anos dps que eu descobri sobre DA.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Aline: obrigado pelo seu depoimento. E, gostaria de acrescentar que hoje, além do "Dr Google", é possível tratar com medicamentos modernos e eficazes. Além disso, o grupo de apoio da AADA oferece uma equipe multidisciplinar para o tratamento. Visite o site da AADA: www.aada.org.br
Abraços!

Anônimo disse...

Olá, tenho 18 anos e muita dermatite atópica desde que nasci, praticamente. Já tentei de tudo: consultas com dermatologistas, terapia e muitos homeopatas. Gostaria de alguma sugestão de médico especialista (em São Paulo) ou medicamento, que não fosse baseado no sistema de tratamento com corticóide ou antialérgicos como Polaramine, por exemplo. Estou desesperada, sei que esta doença não tem "cura", mas a cada dia que passa ela só agrava. Me ajude!

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Em S Paulo fica a sede da Associação de Portadores de Dermatite atópica (AADA) . Lá você poderá obter informações e tratamento: telefone 3079 3053 (www.aada.org.br)Gratos pela visita.

Évenim disse...

Nossa, me vi no caso da Rosana que comentou aqui. Minha alergia é na região da vulva, que coça, dói e aparece feridas. Já faz um tempo que meu ginecologista constatou isso e me disse que era dermatite, ele só não sabia se era atópica ou de contato. Fui no dermatologista, mas ele ficou com vergonha de me examinar (acha?¬¬')por causa do local da alergia. Mas me passou Desonol, sem efeito aparente. Meu ginecologista me passou Zina (Dicloridrato de levocetirizina)que me ajudou nos primeiros meses, mas este mês estou na segunda caixa e nada. Agora estou me 'embatumando' de Bepantol (que sempre me ajuda muito na cicatrização das lesões) misturado com Desonol pra ver se alivia.
Está sendo uma luta até eu achar alguem competente para me tratar. Fica o meu relato e se tiverem algo a me aconselhar, fico grata.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Évenin: você refere em seu relato que a dúvida diagnóstica feita por seu ginecologista está entre alergia de contato ou então uma dermatite atópica.Sendo assim, a primeira opção é procurar um Serviço especializado em Alergia para orientá-la e, se necessário, realizar testes de contato para avaliar seu caso. Caso more no Rio, a nossa equipe médica está a seu dispor. Gratos pela visita ao nosso blog

Anônimo disse...

Boa tarde!
Meu sobrinho sofre com essa doença desde pequeno são elas: irritações na pele,feridas,coçeiras,manchas avermelhadas.Ja fizeram várias consultas e exames,só disseram que era falta de óleo na pele.Seria então Dermatite atópica? Quais tipos de comidas e sucos que podem ser ingeridos? E quais outros tratamentos necessários pois a pomada não adiantou,seria então antibióticos?
Por favor! ajude-me estou muito preocupada com a situação,ele tem apenas três anos!

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

É uma atitude admirável a sua preocupação com seu sobrinho. Mas, infelizmente não tenho condições para atender sua solicitação através deste aconselhamento na internet. Para afirmar se é mesmo uma dermatite atópica seria necessário examiná-lo pessoalmente.
Aconselho que converse com o alergista que trata dele. Exponha sua preocupação. Ele conhece bem seu caso e poderá orientá-la de forma adequada. Gratos por sua visita.

Camila Santana disse...

Oi, eu tenho 18 anos e acho que eu posso estar com eczema, pois eu apresento todos os sintômas e ao olhar imagens na internet identifiquei feridas iguais às minhas. Eu desenvolvi a doença faz três anos e já fui em vários médicos mas ninguém identificou, de fato, o meu problema, mas me receitaram uns cremes que aliavam a pele mas era temporário.

Enfim, eu gostaria de perguntar se eu posso usar qualquer hidratante ou tem que ser algum específico (sem fragância ou algum componente)e se eu posso desenvolver alguma atividade física, eu pergunto isso porque a transpiração piora a coceira, mas eu realmente precisava fazer algum exercício e esse problema na pele me impede, queria saber se existe alguma alternativa.

Agradeço muito por esse texto. Beijos.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Camila: cito alguns nomes de hidratantes: Epidrat, Fisiogel, Nutraderm,TriXèra da Avène, entre outros. Aconselho que procure um alergista para orientar a escolha da atividade esportiva e sobre a proteção de sua pele para que possa desenvolver adequadamente. A nossa equipe está ao seu dispor. Gratos por sua visita.

fanny weidy disse...

dr. por favor me me ajuder por favor minha filha tem 4 meses esta com umas bolhinhas vermelhas nas suas partes genitais mas só por cima e agora esta passando para trás do bumbum fica bastante vermelho,mas não sei de jeito algum o q pode ser,já mudei a fralda,já mudei o sabão,já mudei a pomada e agora estou deixando ela mas tempo de fralda de pano mas nunhum resultado,o q devo fazer ? mee ajude por favor !

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

O parecer que solicita não pode ser emitido através de aconselhamento por e-mail. Lesões na pele têm que ser examinadas e analisadas em conjunto com a história clínica. Na idade de sua filha, nem todas as lesões ocasionadas pelo uso de fraldas tem causa alérgica. A nossa equipe médica está ao seu dispor na Clínica de Alergia da Policlínica Geral do Rio de Janeiro.

Anônimo disse...

Oi, tenho 34 anos sofro com renite, bronquite,asma e a 13 anos começei a sentir uma coçeira muito intensa nas minhas pernas quando mim dei conta estava com as pernas toda manchada, começei a procura por um tratamento, na rede pública é cause impossível encontrar um dermato pra minha sorte a empresa aderiu a um convênio a primeira tentavia sem sucesso o médico não sabia o que era passei meses usando medicamento sem nenhum resultado procurei o segundo médico que diagnosticou escabióse "segundo ela sarna" foram mais meses de tratamentos, terceira tentativa sem diagnostico usei um medicamento que mim fazia chorar de tanta dor pareceia que passava pimenta nas lesões e só piorava isso mim custou uns dez anos, foi quando en cotrei um dermato que mim sobre dermatite atopica mais toda vez que começava ver o resultado parava o tratamento pois los remédio são muito caros e valtava todo de novo reslvir mudar de médico mais uma vez ele confirmou a DA e mim receitou um comprimido hidroxizine 25mg 1 po dia e um pomada tacrolinus 0,05% pomada qsp aplicar 2 vezes por dia.
Bom, contudo isso descrevir pra vcs e deixando todo sofrimento emocional de lado. minha pergunta é: será possivél ver minhas pernas livre dessas manchas porfavor mim ajude.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

O tratamento da dermatite atópica pode recuperar sua pele e proporcionar controle da doença. Mas, para opinar sobre as manchas, seria necessário examiná-la pessoalmente. A nossa equipe está ao seu dispor para maiores esclarecimentos na Policlínica RJ. Gratos por sua visita.

Louco de paixão por Jesus disse...

Estou tomando Predisolona para umas coceiras e vesiculas que apareceram em minhas mãos e pés.Sempre quando paro de tomar elas reaparecem.
Gostaria de saber se a predisolona pode dar falso negativo para teste de HIV?Estou no desmame comecei com 60mg e estou em 10mg minha dermatologista disse q eu passase 15 dias quando parasse o medicamento para fazer o teste.Gostaria da opiniao de vcs.
Atenciosamente,
Nell Lemos

22/5/11 15:01

Anônimo disse...

oi tenho 21 anos e meses atraz comecei com uma alergia, em seguida fiquei toda vermelha e cheia de bolinhas, uma coçeira imensa nas pernas, virilha e umas machinhas vermelhas na barriga, dai procurei um medico e ele me disse q era dematite atopica por causa da minha riniti. receitou uma pomada, hidratante organico e um antialergico ! mas minha pergunta é? devo passa a pomada e em seguida coloca o hidratante ???

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

O hidratante deve ser usado após o banho, com a pele ainda umedecida. O creme pode ser pasado à noite. Gratos por sua visita.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

A sua médica está certa: você utilizou uma dose alta da medicação e por isso, é melhor aguardar e fazer o teste com mais precisão. Gratos por sua visita.

Anônimo disse...

Olá,tenho 18 anos e tenho a dermatite atópica minhas pernas ficam em carne viva pois a coceira é muito intensa já fui em 4 demartologistas e até hoje não consigo pelo menos parar 1 dia de coçar toma diversos medicamentos como antialérgicos porém não estão resolvendo nada,tomo banho e minha pele arde de tanto que esta em carne viva o que eu posso fazer,preciso urgente de uma solução,não aguento mais choro sempre quando vejo minhas pernas neste estado,pois sou jovem e quero sair mas não posso mostrar minhas pernas neste terrível estado pois sai sangue demais...

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Compreendo sua preocupação, mas peço sua compreensão: o parecer que solicita não pode ser emitido através de aconselhamento por e-mail. A avaliação da dermatite atópica é complexa e não permite que possamos indicar um tratamento sem examiná-la e sem conhecer os dados de sua história clínica. A nossa equipe médica está ao seu dispor na Clínica de Alergia da Policlínica Geral do Rio de Janeiro.

Paolaeezequiel disse...

Oi, tenho 19 anos e tenho dermatite atopica faz 3 anos mais ou menos.. só que começou com uma pequena lesão nas dobras dos cotovelos.. uma lesão pequena, mas dava muita coceira e começou a aumentar.. hoje a dermatite está em todo o corpo quase.. inclusive no rosto e talvez nos olhos.. não sei se é possivel ser dermatite a alegria que estou tendo nos olhos, nas palpebras.. estava fazendo o tratamento com Desanol e loratadina.. mas no dia do aniversario da minha filhinha de 1 ano, voltou tudo, e pior.. o que posso fazer agora para tratar? é horrivel a coceira, não aguento mais. minha auto-estima esta totalmente baixa. tenho vergonha de sair na rua. me ajudem por favor. estou desesperada quase depres.siva

Anônimo disse...

Olá, meu nome é Monyke. Faz um tempo que estou com muita coceira no rosto fui ao dermatologista e ele constatou eczema por conta da maquiagem, suspendendo o uso passei a tomar os remédio, lavar o rosto com granado e passar pomada. Mas as coceiras vão e vem e minha pele é muito ressecada, e agora estou sentindo coceira na região do joelho tambem com os mesmos sintomas o desconforto é terrível. Gostaria de saber se se trara de dermatite? Minha pele coça, tem lugares esbranquiçados e ressecados.
Obrigada!

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Monyke: o parecer que solicita não pode ser emitido através deste aconselhamento na internet: para afirmar se é uma dermatite e para fazer o diagnóstico, é essencial examinar sua pele pessoalmente. Aconselho que procure um alergista. Caso more no Rio, estamos ao seu dispor. Gratos por sua visita.

Anônimo disse...

tenho dois filhos com DA,uma menina e um menino,eainda tenho muitas duvidas quando saio do consultorio do dermatologista,segundo ele o medicamento maleato de dexclorfeniramina sempre pode ser usado,mas sempre,sempre?usei a vaselina liquida uns seis meses
,mas eles estao gostando do oleo johnsons,e a fragrancia não prejudica?quanto ao protopic,por qual medicamento menos agressivo posso substituir,e o uso de ventilador no que é bom ou ruim quanto a temperatura do ambiente a noite?,sao as questoes que esqueci de perguntar ao dermo,,,na verdade acho que fiquei sem graça de continuar fazendo tantas perguntas ao dermatologista,tenho a sensação de que ele enlouquece comigo... poque faco inumeras perguntas, pois afinal são sobre meus filhos!!!obrigada!!.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

A dermatite atópica é uma doença que tem origem hereditária (genética) mas se manifesta diferente em cada pessoa, mesmo sendo em irmãos. Por isso, certas medidas de tratamento podem ser adequadas para um e não para outro. O antihistamínico pode ser usado sempre que necessário, pois tem efeitos colaterais discretos. Porém, é importante lembrar que trata-se de um remédio meramente aliviador. Ou seja, alivia os sintomas mas não trata a doença. Assim, se você necessita repetir com frequência, é sinal de que precisa contactar o médico. O uso do óleo com fragrância depende da aceitação de cada criança: converse com o especialista pois ele conhece as características clínicas dos seus filhos.Crianças atópicas sentem mais calor e dormem melhor com ar refrigerado ou com ventilador. Mas, cuidado com a conservação do quarto e do aparelho no caso de usar o ventilador. Convido que visite o site da AADA - associação de portadores de dermatite atópica - www.aada.org.br. O link se encontra na coluna da direita deste blog, no setor "Sites que recomendamos". Gratos por sua visita ao nosso blog

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Paola: o tratamento da dermatite atópica exige persistência, disciplina e uma boa relação de confiança com seu médico. Mas, também é importante dar apoio ao seu lado emocional e à educação sobre a doença para te ajudar no seu tratamento. A AADA (Associação de Portadores de Dermatite Atópica) oferece grupos de apoio para pacientes em várias cidades brasileiras. No Rio de Janeiro, este grupo realiza reunião semanal na Santa Casa da Misericórdia. Veja a lista dos locais e endereços no site da AADA: www.aada.org.br. Aproveite e leia o ótimo material educativo disponibilizado no site. Agradecemos sua visita ao nosso blog.

Anônimo disse...

pelo amor de Deus eu nao consigoo para de me cosar e dos pes a cabeça . me ajudem eu nao sei mais o que fazer .

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Para tratar sua coceira, é preciso examinar e fazer o diagnóstico da causa do problema. por isso, não há como medicar sem examinar pessoalmente. Medidas caseiras como “banhos de maizena” podem ajudar. Use uma mistura de maizena com água, como se fosse um mingau ralo (consistência de shampoo). Jogue e deixe um pouco essa "papa" sobre o corpo. Depois, enxague com água, seque suavemente e use seu hidratante. Gratos por sua visita.

Anônimo disse...

Tenho alergias desde pequeno e de uns tempos pra cá ela se transformou em D.A.Já fiz testes de contato e nada,tratamentos com vacinas imunológicas que foram interrompidos várias vezes por questoes financeiras.De uns dois anos prá cá meus dedos da mão direita e meu dois pés estão com uma coceira que não quer sarar.Começaram com bolhas que ao cosar estoram e cosam até ferir!Tinha voltado com a vacina extra-forte a uns dois meses e meio dessa vez nem terminei de tomar pois não estava apresentando resultado algum.ta na geladeira guardadda a ultima dose e mais uma vez to sem grana pra continuar com as vacinas,porem,o que me espanta é a vacina aque apresentava resultados na primeira semana não esta resolvendo mais.aó controla com comprimidos de cortizona.passo cremes de desonida,cortizona,mas eu paro com o comprimido por medo pois dizem ser muito forte,percebo que o mesmo meche na minha visão quando tomo.tenho evitado andar de chinelo na rua,praia...
È horrivel só melhora mas nunca fica 100%.As vezes acho que minha D.A ficou mas forte que a vacina me ajudem pois isso esta atrapalhando em tudo na minha vida!
não aguento mais.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

O uso da cortisona (corticóide) não deve ser feito sem orientação médica, seja pelo risco de efeitos adversos como pelo risco de rebote (ou seja, piora acentuada da dermatite atópica ao parar a medicação). Quanto à vacina não há como julgar sem conhecer a fórmula ou sua dose (concentração). É importante que procure um alergista para orientar seu tratamento.
A nossa equipe médica está ao seu dispor na Clínica de Alergia da Policlínica Geral do Rio de Janeiro.

Anônimo disse...

nao sei mais o que faco, meu filho tem 10 meses, mas desde os tres meses que ele sofre com essas coceiras insurportaveis, levei ele no pediatra foi detectado rinite alergica e com issso algumas utopias na pele.primeiro foi em baixo dos bracos,levei ao medico passou cremes melhorou, levei dematologista passou cremes manipulados melhorou um pouco. agora apareceu no bumbum uma luta imbativea, melhorou um pouco, uso AGE,cremes de todas as especies.mas nao consigo cura. no ultimo medico que levei mostrei uns exames de alegias ele falou que ele tinha um certo tipo de restrincao ao leite sera por isso que ele tem essas alergias?a tem tambem um chiado no peito tipo catarro.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

O seu relato sugere um quadro atópico significativo associado à alergia respiratória. Aconselho que leve seu bebê a um médico especialista em Alergia. Caso more no Rio estamos ao dispor. Gratos por sua visita.

Anônimo disse...

Meu filho foi diagnosticado alérgico a poeira doméstica, cheiros como gasolina e tinta e corantes amarelo e roxo. Só que o médico receitou medicação manipulada, mas não adiantou, ele continua com sinais alérgicos (pruridos) no entorno dos olhos. Ele tem 7 anos.Moramos no interior do RJ. Qual seria o melhor tratamento agora?

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Compreendo sua preocupação, mas peço sua compreensão: não há como emitir um parecer ou indicar um tratamento para seu filho através de um aconselhamento na internet, sem uma consulta médica realizada pessoalmente. Estamos ao seu dispor na Clínica de Alergia da Policlínica Geral do Rio de Janeiro. Gratos por sua visita.

Julia Bayeux Petriccione disse...

Moro em SP-SP. Cheguei até vcs hoje e só posso dizer que me sinto mais alivia e muito angustiada com tudo que li aqui e agora.
Minha filha vai fazer 9 meses e desde que começou a introdução alimentar, aos 7, passou a ter sinais de dermatite atópica. Primeiro foi uma vermelhidão na área genital. Fomos a praia, ela brincou na areia, usamos pela primeira vez protetor solar nela (turma da monica) e apareceu um vermelhidão nas dobrinhas dos 2 braços. Depois de uns dias, um vermelhidão na lateral do pescoço, um pouco abaixo da face, que foi se espalhando para o pescoço, tronco e ficou em um estado que acabamos passando uma internadas no Hospital Infantil Sabará. Começamos o tratamento com desonal (corticoide), celestamine...melhorou e depois de uma semana voltou. Novamente desonol, mais hixizine, e nebacetin. Melhorou no começo e antes mesmo de terminar o tratamento piorou. Agora estamos há uma semana sem o desonal, o nebacetin usamos só no começo do tratamento, e o hixizine começamos com 3x ao dia, diminuímos depois de 3 dias para 2x ao dia, por uma semana, e hj terminamos o frasco depois de 1 semana tomando só 1x ao dia. Foram 17 dias. O resultado foi que o pescoço dela há 3 dias está piorando, ficando novamente vermelho, com bolinhas, até o tronco e nas costas em algumas parte também e embaixo do umbigo, uma faixa bem vermelha. Na área genital ás vezes fica mais avermelhado também. Estamos beeem perdidos. Fomos no Dermato, estamos usando sabonete Cetaphil restoraderm, Shampoo mustela de camomila, fisiogel de 2 a 3 vezes ao dia. Ela começou natação há 1 semana. Não sei se não pode, por ser piscina aquecida, mas o tratamento da água é ozônio. Também estou na dúvida quanto a isso. Li muito sobre elidel, protopic... Gostaria que avaliassem tudo que relatei nesse e-mail, se puderem nos ajudar, por favor. Agradeço muiito.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Julia: peço sua compreensão, mas não posso opinar sobre o caso específico de sua filha através de um aconselhamento por e-mail e sem examiná-la pessoalmente. Contudo, farei algumas considerações: 1) a dermatite atópica faz parte de um quadro alergico e muitas vezes anão envolve apenas a pele. 2) É alta a associação com outras doenças alérgicas em especial a rinite e a asma (ou bronquite alérgica)e alergias alimentares 3) Bebês são imaturos e têm pele sensível, necessitando um tratamento especial por parte do alergista.4) O tratamento não envolve apenas o uso de medicamentos mas deve incluir medidas preventivas orientadas pelo alergista. 5) Aconselho que entre em contato com a equipe de alergistas que coordena o site Barreira cutânea: http://www.barreiracutanea.com.br/ ou com a AADA www.aada.org.br Gratos por sua visita ao nosso blog. Aproveito a oportunidade para convidá-la a assinar nosso blog e passar a receber nossos textos diretamente em seu e-mail.

Anônimo disse...

Boa noite! Dia, 06/11/11 escrevi para voces a respeito do estado da minha Mãe sobre uma Dermatite, pois a Dermatologista passou Elecom creme e Claritin, (ela também teve AVC que a paralisou do lado esquerdo, mais braço do que perna e também a fala isso a 8 anos)depois a levamos em outro Dermatologista proximo de casa e que minha irmã e minha sobrinha ja haviam se tratado com ele, pois o pé esquerdo de minha Mãe esta inchado. Ai chegando lá ele disse que era uma alergia que poderia ser de varios fatores: Remedio, poeira, alimento e etc. Como o dedo do pé esta bem vermelho ele passo Keflex 250 ml suspensao 6/6 hs, deixou o Claritin, e passou Elocom creme e nutraplus,e passou exame de sangue, isso dia, 07/11/11, so que agora seus pés estao com bolhas bem grandes, uma delas ja estourou, o Dermatoligista foi para um congresso, não conseguimos contato, hoje tentei ir a Policlinica, mas hoje so atendeu na parte da manhã e agora so vai funcionar quarta feira, essa bolha estourada e o pé inchado, teria alguma providencia a tomar até chegar quarta feira, mas de qualquer forma seria melhor leva-la a algum hospital, mesmo não tendo Dermatologista de plantao, sera que podemos aplicar Permaganato para aliviar a coceira. Se Voces puderem nos orientar. Mais uma vez Muito obrigado e me sentindo um pouco culpado por nao ter ido logo ai.

Atenciosamente,

Sergio da Silva - sda.dido@yahoo.com.br

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Sergio: a conduta mais adequada é levar sua mãe a um setor de emergência pois mesmo que não seja especialista o médico avaliará e orientará até que possa ser atendido em local adequado. O uso de permanganato não é indicado em pessoas idosas pois se a diluição não for apropriada tende a ressecar e a irritar a pele, podendo agravar o quadro. Gratos por sua visita.

Anônimo disse...

Meu filho está com uma irritação no cotovelo, a aparência é avermelhada e cheia de caroço que coça,hoje ele tem 11 anos porém desde seus 03 aninhos mais ou menos ele sempre apresentou está lesão, que aparecia nos cotovelos e na dobra do joelho, o tratamento sempre foi com pomada anti alérgica e sempre deu certo, poém desta vez estou usando a pomada Berlison e oncilon que não está adiantando.
Gostaria de saber se tem haver com o lado emocional e quem eu devo procurar um dermatologista ou um alergista? Será que ele tem deramtite atópica?

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

As lesões de dermatite atópica habitualmente se localizam nas dobras internas de pernas e braços (mais raramente em joelhos e cotovelos). Aconselho que procure atendimento médico especializado para fazer o diagnóstico e indicar tratamento específico para seu filho. Gratos por sua visita.

Josianne Delgado disse...

Sou uma pessoa considerada atópica, já tive muitas crises de asma quando pequena, tenho rinite, sinusite e mais um montes de ites que aprendi a conviver ao longo de minha vida. Fiz tratamento até meus 16/17 anos, depois deixei de lado quando me disseram que nunca iria ser curada, hoje as minhas manisfestações alérgicas são mais controladas, até porque aprendi a identificá-las desde cedo, mas tenho muito medo quando preciso ir ao pronto socorro, pois nunca sei o que irá me causar alergia. Já fiz alergia até a um simples esparadrapo quando fiz uma cesariana, até hoje possuo as marcas da erupção que ocorreram em mina pele. Em dezembro precisarei fazer duas cirurgias...como deve proceder com a equipe médica? Sei que terei que falar que sou atópica, mas e eles? Saberão o que fazer?

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Em princípio, sim, Josiane. Aconselho que converse com o seu cirurgião e informe sua preocupação com o fato. Ele avaliará se há necessidade do parecer de um alergista antes de realizar a cirurgia. Gratos por sua visita.

Anônimo disse...

uso esparadrapo ante alergico mesmo assim a minha pele esta irritada o que fazer?

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Existem alternativas como por exemplo o micropore, que é uma fita porosa - causa menos reações comparado aos esparadrapos. Caso a reação se mantenha, sugiro que procure um alergista para orientar seu caso. Obrigado pela participação em nosso blog.

Anônimo disse...

Doutora do nada o meu corpo e da minha filha de 9 anos começou a coçar, a coceira piora quando tomamos banho morno e quando eu chego em casa, coça nos braços, parte interna da coxa, costas, seios, fica vermelho e depois seca.O que será, me ajude.Abraços

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Compreendo sua preocupação e gostaria de poder ajudar, mas infelizmente o parecer que solicita não pode ser emitido através de aconselhamento por e-mail. Lesões na pele têm que ser examinadas e analisadas em conjunto com sua história clínica. A nossa equipe médica está ao seu dispor na Clínica de Alergia da Policlínica Geral do Rio de Janeiro.

Giseli Cruz disse...

Tenho 25 anos e descobri que tinha dermatite atópica a 3 anos, estou sofrendo muito com essa doença, e não sei mas o que fazer para tratamento, tenho muita vergonha do meu corpo .
Preciso de um tratamento eficaz...Me ajudem por favor...

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Giseli: o tratamento da dermatite atópica engloba um conjunto de medidas, incluindo: 1) uso de medicamentos 2)cuidados com sua pele 3) pesquisa e combate aos fatores agravantes (que variam em cada pessoa) Infelizmente não sei como poderei orientar através da internet, sem examiná-la e sem conhecer seus dados clínicos de forma criteriosa. Caso more no Rio, estamos ao dispor para avaliar e orientar seu caso. Gratos por sua visita.

Anônimo disse...

minha filha tinha dematite por deus curou ela neste esato momento basta cre e ter fe em deus por q deus esta sempre do nosso lado

Anônimo disse...

DRS.
ESTOU COM DERMATITE, SENDO TRATADA COM DIPRO-
GENTA E ANTIHISTAMINICO HIXIZINA.FICO BOA E VOLTA.
AS OPÕES COMO:IMUNO-MODULADORES,ANTIBIOTICOS,
CICLOSPORINA,METROTEXATE E FOTOTERAPIA,SÃO REME-
DIOS VIA ORAL OU POMADAS?
FICO PREOCUPADA EM USAR CORTICÓIDE POR MUITO
TEMPO NO CASO DA DIPROGENTA.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

As opções são variadas, tanto por via oral como por via sistêmica. Para responder sua pergunta, seria necessário que especificasse o tipo de produto. Pois, sem saber qual é, fica difícil. Darei um exemplo: existem antibióticos para uso oral e outros antibióticos em forma de pomadas, sendo que a escolha depende das características clínicas de cada caso. O uso do corticóide em uso tópico sob a forma de pomadas mas supervisionado pelo médico é seguro, mesmo por tempo mais prolongado.

Vera disse...

Meu nome é VERA,Entrei neste blog para entender melhor a medicação Avamys 27,5 , que o médico me prescreveu. Tenho uma rinite, coriza, coceira, espirro, congestão nasal, obstrução nasal, e com frequência esses episódios se alternam diariamente.Não consigo dormir, e a vida esta muito difícil, e me ajudou bastante. ESTOU MUITO FELIZ POR ENCONTRA VOCÊS, ESTE BLOG É MARAVILHOSO, POIS ORIENTA DETALHES, EXPLICA COISAS QUE OS MÉDICOS NÃO TEM TEMPO DE ORIENTAR. e ENCONTREI TAMBÉM ESTE ARTIGO SOBRE dermatite atópica, a minha neta é portadora, e agora aos 7 anoa é que esta + ou - sob controle,mais foi muito difícil achar o diagnostico.Ela também tem alergia a CASEÍNA DO LEITE DE VACA. SERÁ QUE VAI SER PARA SEMPRE ESTA ALERGIA AO LEITE? Fico grata pela dedicação que a equipe tem com este blog.obrgada .

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Vera: Avamys é uma medicação segura para uso prolongado. Atua diminuindo a inflamação da mucosa do nariz e por isso controla os sintomas da rinite evitando as crises. Mas lembro que tratar rinite vai além do simples uso de remédios. Convido que escreva para nosso e-mail (blogdalergia@gmail.com) e enviarei para você uma cópia em PDF do nosso livro sobre a Rinite. A alergia ao leite tende a atenuar com a idade, mas algumas pessoas mantem a alergia a vida toda. Cada caso é um caso e por isso aconselho que peça esta orientação ao alergista de sua neta. Obrigado pelo seu incentivo ao nosso trabalho voluntário neste blog Volte sempre.

Anônimo disse...

Srs. um bom tratamento com o sabonete OILATUN é ótimo para a DA. Tenho DA a muitos anos e faço uso deste sabonete que dá ótimos resultados.
01-abraço - Mello

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

É verdadeiro: trata-se de um sabonete para peles sensíveis e indicado na dermatite atópica. Mas, lembro que cada pessoa é única e deve ser avaliada de forma personalizada. Não há um sabonete ou um tratamento padronizado e que funcione em todas as pessoas. O médico analisará cada caso para então indicar a melhor conduta e os produtos mais apropriados. Agradecemos sua visita ao nosso blog.

Anônimo disse...

adorei saber sobre a dermatite meu filho de 1 ano e 10 meses sofre muito com isso nao é facil

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Desejo melhoras ao seu filho. Aproveito a oportunidade para convidá-lo a assinar nosso blog e passar a receber nossos textos diretamente em seu e-mail. Gratos por sua visita.

Anônimo disse...

eu sou francisco também tenho dermatite atópica e eu aconselho a voçês que tenham força para vençer o problema com força eu tenho desde que eu nasci ja tinha dermatite atópica.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Obrigado por seu depoimento, Francisco.

Anônimo disse...

Na infância e adolescência tive poucos episódios de alergia que sempre se manifestou de forma leve (alguma coceira e vermelhidão durante poucos dias ou inchaço nos lábios e pálpebras) e desapareceu sem tratamento. Esqueci-me completamente dela. Ano passado, em março, fiz uma tatuagem no braço esquerdo e acredito um dos pigmentos causou alergia (rosa chiclete), parecia estar cicatrizando normalmente (usava apenas a pomada nebacetin) e então fiz uma escova progressiva com o mínimo de formol conforme recomendado atualmente; após a progressiva, a área da tatuagem com o pigmento rosa tem continuado a inflamar e inchar em ciclos de aproximadamente 20 dias, mesmo já tendo cortado todo o cabelo alisado (máquina 6). Já consultei 2 dermatos e um alergologista e até agora os medicamentos injetável: DERMATO1 - Betatrinta 1 dose em 05/09/11 e de uso tópico diprosalic: 09/09/11 a 13/02/12, skimatix 09/09 a 06/11/11, aloax: 09/09 a 05/10/11/ e via oral: enax 03/0 a 16/10/11 e ebastel 17/10 a 10/12/2011 DERMATO 2 – duotrat 14/02 a 02/03/12 e desonol 05/03 a 20/03) e via oral hidroxizine manipulado 30mg de 23/02 a 23/03/12 não surtiram grande melhora, apenas redução de aprox. 50% do inchaço, mas a pel está muito sensível até ao toque da roupa, qualquer pequena batidinha e a pele se rompe em alguns pontos e vira uma feridinha parecida com uma espinha comum. O ardor, o rubor, a coceira continuam em alguns momentos mais à noite e logo pela manhã, quando o inchaço é maior. Há uns quatro dias (apó o início do uso de desonol) a pele apresenta pequenos rompimentos (lacerações) com saída de gotículas desangue e um líquido amarelado. Não sei se continuo com o desonol ou paro, não sei como tratar as feridinhas (lavo com água e protex, enxugo com papel toalha, só tenho retorno no dermato em 23/03 até lá não sei como proceder. Podem me dar uma orientação? Obrigada, Marlene.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Marlene: compreendo seu sofrimento mas não posso ajudá-la sem examinar sua pele e sem um diagnóstico do tipo de alergia que apresenta. É possível que esteja apresentando uma reação adversa ao uso do corticóide por tempo prolongado. Faz-se necessária uma avaliação criteriosa e pessoal. Estamos ao seu dispor na Policlínica RJ. Conto com a sua compreensão e agradeço sua visita ao nosso blog.

«Mais antigas ‹Antigas   1 – 200 de 233   Recentes› Mais recentes»

Postar um comentário

"Os comentários publicados sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. Os autores deste blog reservam-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgarem ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou sem a devida identificação de seu autor também poderão ser excluídos".

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...